Resenhas

sábado, 18 de novembro de 2017

:: Resenha 342 :: "A sabedoria de Tyrion Lannister", Lambert Oaks



Sinopse: Os principais ensinamentos do personagem mais carismático de Game of Thrones. Tyrion Lannister é um dos personagens mais emblemáticos e queridos pelos fãs de Game of Thrones. Uma das figuras mais inteligentes e menos conformistas da saga, e talvez por isso mesmo o personagem favorito de George R. R. Martin. Sua eloquência e agilidade mental compensam em muito sua baixa estatura. Tyrion Lannister não se contém na hora de dizer o que pensa ou fazer o que lhe apetece, e enfrenta quem for necessário sem desanimar nem retroceder. A fim de inspirar os inúmeros apreciadores da série – e em particular os fãs do amado personagem –, esse livro visa trazer a sabedoria de Tyrion para o nosso cotidiano. A sabedoria de Tyrion Lannister, que serve como um manual para a vida, é estruturado em 55 máximas de Tyrion Lannister e 46 de outros personagens de Game of Thrones. Com este livro, é possível aprender onde estão nossos potenciais e aproveitar nossas fraquezas para superar os desafios, assim como passar à ofensiva antes que seja tarde demais e nos orientar na busca pela felicidade em meio ao tédio cotidiano.
Mas é um pitelzinho mesmo... <3

quinta-feira, 16 de novembro de 2017

:: Resenha 341 :: "Origem", Dan Brown


Sinopse: De onde viemos? Para onde vamos?
Robert Langdon, o famoso professor de Simbologia de Harvard, chega ao ultramoderno Museu Guggenheim de Bilbao para assistir a uma apresentação sobre uma grande descoberta que promete "mudar para sempre o papel da ciência".
O anfitrião da noite é o futurólogo bilionário Edmond Kirsch, de 40 anos, que se tornou conhecido mundialmente por suas previsões audaciosas e invenções de alta tecnologia. Um dos primeiros alunos de Langdon em Harvard, há 20 anos, agora ele está prestes a revelar uma incrível revolução no conhecimento... algo que vai responder a duas perguntas fundamentais da existência humana.
Os convidados ficam hipnotizados pela apresentação, mas Langdon logo percebe que ela será muito mais controversa do que poderia imaginar. De repente, a noite meticulosamente orquestrada se transforma em um caos, e a preciosa descoberta de Kirsch corre o risco de ser perdida para sempre.
Diante de uma ameaça iminente, Langdon tenta uma fuga desesperada de Bilbao ao lado de Ambra Vidal, a elegante diretora do museu que trabalhou na montagem do evento. Juntos seguem para Barcelona à procura de uma senha que ajudará a desvendar o segredo de Edmond Kirsch.
Em meio a fatos históricos ocultos e extremismo religioso, Robert e Ambra precisam escapar de um inimigo atormentado cujo poder de saber tudo parece emanar do Palácio Real da Espanha. Alguém que não hesitará diante de nada para silenciar o futurólogo.
Numa jornada marcada por obras de arte moderna e símbolos enigmáticos, os dois encontram pistas que vão deixá-los cara a cara com a chocante revelação de Kirsch... e com a verdade espantosa que ignoramos durante tanto tempo.

Fala aí, galerinha. Tudo beleza? Hoje a resenha é desse super livro, desse super autor. Estou falando do novo lançamento de Dan Brown, Origem, que eu recebi da editora Arqueiro. Origem é o quinto livro do meu querido professor Robert Langdon, que mais uma vez tem uma baita missão que vai nos prender a cada página.

Sim, deu pra perceber que eu adoro o Dan, assim como eu adoro o Robert (sentiu a intimidade?). Esse novo livro é tão maravilhoso - na minha opinião -, que rolou até uma depressãozinha quando ele terminou. Fiquei carente, querendo um abraço do Robert.

quarta-feira, 15 de novembro de 2017

:: Resenha 340 :: "Jantar Secreto", Raphael Montes





Sinopse: Um grupo de jovens deixa uma pequena cidade no Paraná para viver no Rio de Janeiro. Eles alugam um apartamento em Copacabana e fazem o possível para pagar a faculdade e manter vivos seus sonhos de sucesso na capital fluminense. Mas o dinheiro está curto e o aluguel está vencido. Para sair do buraco e manter o apartamento, os amigos adotam uma estratégia heterodoxa: arrecadar fundos por meio de jantares secretos, divulgados pela internet para uma clientela exclusiva da elite carioca. No cardápio: carne humana. A partir daí, eles se envolvem numa espiral de crimes, descobrem uma rede de contrabando de corpos, matadouros clandestinos, grã-finos excêntricos e levam ao limite uma índole perversa que jamais imaginaram existir em cada um deles.


Bora começar a resenha, hahahaha...

segunda-feira, 13 de novembro de 2017

:: Resenha 339 :: "Xeque-mate da Rainha", Elizabeth Fremantle





Sinopse: A corte do rei Henrique VIII, repleta De intrigas e traições, é palco para esse Romance histórico avassalador Um romance histórico avassalador, repleto de intriga e traição. Elizabeth Freemantle conduziu extensa pesquisa para recriar o universo da corte do rei Tudor, Henrique VIII. Katherine Parr, sexta do rei, trilha um caminho perigoso entre paixão e lealdade. Muito mais nova que seu marido, ela precisa aprender rapidamente a lidar com os perigos da corte Tudor, especialmente no que diz respeito à sua fé e ao seu verdadeiro amor. Divorciada, guilhotinada, morta, divorciada, guilhotinada. Esse é o histórico das ex-mulheres do meu noivo. Estou apaixonada por um homem que não posso ter e prestes a casar com um homem que ninguém desejaria - meu noivo é Henrique VIII, que já guilhotinou duas esposas e divorciou outras duas e assistiu uma morrer durante o parto. Como sobreviverei uma vez que me tornar a rainha da Inglaterra?






A breve opinião de uma mente em choque:

sábado, 11 de novembro de 2017

TAG 24 . Todo mundo leu, menos eu






Oie! A TAG de hoje é a "Todo mundo leu, menos eu", que as meninas do Notas Literárias fizeram há pouco tempo e eu achei bem legal.
Resolvi trazer grandes sagas que foram, e são febre até hoje, mas que, pasmem, eu nunca li! Vamos ver quais são?

sexta-feira, 10 de novembro de 2017

:: Resenha 338 :: "Um Amor Apaixonado", Silvia Spadoni





Sinopse: Ao contrário do irmão mais velho, o príncipe Tárik odeia o povo inglês, mas o destino coloca sob sua responsabilidade justamente uma nobre inglesa, que acredita ser a síntese da mulher fútil e manipuladora que ele tanto despreza. Mas seu país precisa de uma aliança política e cabe a ele evitar que a ousada filha do duque de Barrington seja sequestrada em sua viagem a caminho do palácio Madinat al-Zahr. Tudo teria se resolvido em poucos dias se uma terrível tempestade de areia não tivesse atravessado o caminho deles. Após dias e noites sozinhos no deserto, a reputação de lady Sinclair fica irremediavelmente comprometida e ele terá de encarar seu pior pesadelo: um casamento, pelo bem de seu país e pela honra da jovem. Será que de um casamento forçado pode nascer um amor apaixonado?





Olá, meus queridos. Liguem os ventiladores, peguem água, porque na resenha de hoje nós vamos enfrentar um sol de rachar, atravessando um deserto. Estou falando de Um Amor Apaixonado, terceiro livro da série Amores, da Silvia Spadoni. Este com certeza foi o meu preferido da série.

quinta-feira, 9 de novembro de 2017

:: Resenha 337 :: "A Ruiva Misteriosa", Alice Clayton


Sinopse: Grace Sherridan volta a Los Angeles para se tornar atriz profissional. É sua segunda tentativa para conquistar seu grande sonho. Será que, com a ajuda de sua agente e melhor amiga, esse sonho se tornará realidade? Ou será que, aos trinta e três anos, Grace já perdeu a oportunidade de se destacar? Um excitante e inesperado caso com Jack Hamilton, o novo queridinho da indústria de entretenimento, ameaça colocá-la sob os holofotes de maneira indesejada. Como isso irá afetar a carreira dela... E a dele? Divertida e quase neurótica, Grace é perfeita em suas imperfeições, e o clima sensual entre ela e o charmoso e desatento Jack é fora de série. Com diálogos hilários e um romance de tirar o fôlego, se esgueirar em Los Angeles fugindo dos paparazzi nunca foi tão divertido.

Amores, imaginem: você pega um livro que está recheada de expectativas, afinal, você já leu outros trabalhos da autora e adora a escrita dela, seu humor, sua narrativa, enfim, adora tudo! E quando começa a ler... a coisa não cola, não rola, não bate! Então, essa foi a minha experiência com A Ruiva Misteriosa da Alice Clayton.

quarta-feira, 8 de novembro de 2017

:: Resenha 336 :: "Último Turno", Stephen King



Sinopse: Brady Hartsfield, o diabólico Assassino do Mercedes, está há cinco anos em estado vegetativo em uma clínica de traumatismo cerebral. Segundo os médicos, qualquer coisa perto de uma recuperação completa é improvável. Mas sob o olhar fixo e a imobilidade, Brady está acordado, e possui agora poderes capazes de criar o caos sem que sequer precise deixar a cama de hospital. O detetive aposentado Bill Hodges agora trabalha em uma agência de investigação com Holly Gibney, a mulher que desferiu o golpe em Brady. Quando os dois são chamados a uma cena de suicídio que tem ligação com o Massacre do Mercedes, logo se veem envolvidos no que pode ser seu caso mais perigoso até então. Brady está de volta e, desta vez, não planeja se vingar apenas de seus inimigos, mas atingir toda uma cidade. Em Último turno, Stephen King leva a trilogia a uma conclusão sublime e aterrorizante, combinando a narrativa policial de Mr. Mercedes e Achados e perdidos com o suspense sobrenatural que é sua marca registrada.

Então, mais uma vez estou de volta e dessa vez é para falar do terceiro livro da trilogia Bill Hodges, do titio King, que a nossa parceira Suma de Letras me enviou como cortesia. Confesso que fiquei muito feliz por fechar essa trilogia com chave de ouro.
Dessa forma, para quem ainda não sabe sobre essa trilogia e gostaria de saber um pouco mais, vou deixar o link da resenha do primeiro livro, o Mr. Mercedes  aqui e a resenha do segundo livro, Achados e Perdidos, aqui. Posto isto, cada livro vai contar um caso diferente em que o policial aposentando, Bill Hodges, acaba resolvendo, mas tendo como pano de fundo a presença de Brady Hartsfield, o anti-herói de sua trilogia.

segunda-feira, 6 de novembro de 2017

:: Resenha 335 :: "Damas de Honra - Quatro Casamentos e Nenhum Funeral", Jane Costello





Sinopse: Quando Evie Hart aceita ser dama de honra de sua melhor amiga, ela percebe que isso é o mais perto que conseguirá chegar do altar. Até hoje, aos 27 anos, Evie nunca viveu um grande amor. E, por ironia do destino, todos a seu redor, inclusive sua própria mãe, estão com os dias de solteiro contados. Ela treme só de pensar nos inúmeros casamentos que tem pela frente! Mas sua fobia de relacionamentos pode ter cura. Um convidado especial, que está sempre presente nas cerimônias, é capaz de fazer com que ela queira ser um pouco mais do que dama de honra.









  Olá pessoal!!
  A resenha de hoje é de um livro do gênero chick-lit, que eu particularmente amo!! 
Eu adoro os livros da Jane Costello, a escrita dela é bem parecida com da Sophie Kinsella, e ela tem um senso de humor único. Se preparem para dar muitas gargalhadas com essa leitura.

sexta-feira, 3 de novembro de 2017

:: Resenha 334 :: "Ladrões de Sonhos", Maggie Stiefvater


Sinopse: Ladrões de sonhos, o segundo volume da Saga dos Corvos, traz de volta a imaginação selvagem e as reviravoltas eletrizantes que somente uma autora original como Maggie Stiefvater é capaz de criar.
Ao lado de Blue, os garotos corvos — o privilegiado Gansey, o torturado Adam, o espectral Noah e o sombrio e perigoso Ronan — continuam sua busca pelo lendário rei galês Glendower. Mas suas explorações enfrentam um duro contratempo conforme segredos, sonhos e pesadelos começam a enfraquecer a linha ley — um canal invisível de energia que conecta lugares sagrados e que pode levá-los até o rei.
Será por isso que a floresta mística de Cabeswater sumiu inexplicavelmente? Quem é o misterioso Homem Cinzento e por que ele está procurando o Greywaren, uma relíquia que permite tirar objetos de sonhos? E o que isso tem a ver com o indecifrável Ronan?
Conforme Blue e os garotos corvos procuram respostas a essas e outras questões, o perigo que os envolve se torna cada vez mais real, e será preciso apostar todas as fichas nessa aventura enigmática.

Oi, amores! Vamos a mais uma resenha de uma saga que estou devorando entre um livro e outro de parceria. E já vou avisando, hoje a resenha é sobre o segundo livro da Saga dos Corvos e algumas informações que só descobrimos no primeiro livro, podem aparecer. É inevitável, mas vou dar o meu melhor para evitar spoiler e se for indispensável, vou colocar um aviso antes e depois do spoiler, ok? Antes de falar sobre Ladrões de Sonhos, vamos lembrar que Os Garotos Corvos já foi resenhado aqui no blog, vocês podem ver a resenha clicando aqui, e a dica mantém, se ainda não comprou, corre para comprar os quatro livros dessa série e vem comigo, porque a Saga dos Corvos já está virando um dos meus YA paranormais favoritos!