Resenhas

segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

:: Resenha 6 :: O Inferno de Gabriel, Sylvain Reynard

Sinopse: A salvação de um homem. O despertar da sexualidade de uma mulher. 
Enigmático e sedutor, Gabriel Emerson é um renomado especialista em Dante. Durante o dia assume a fachada de um rigoroso professor universitário, mas à noite se entrega a uma desinibida vida de prazeres sem limites. 
O que ninguém sabe é que tanto sua máscara de frieza quanto sua extrema sensualidade na verdade escondem uma alma atormentada pelas feridas do passado. Gabriel se tortura pelos erros que cometeu e acredita que para ele não há mais nenhuma esperança ou chance de se redimir dos pecados. 
Julia Mitchell é uma jovem doce e inocente que luta para superar os traumas de uma infância difícil, marcada pela negligência dos pais. Quando vai fazer mestrado na Universidade de Toronto, ela sabe que reencontrará alguém importante – um homem que viu apenas uma vez, mas que nunca conseguiu esquecer. 
Assim que põe os olhos em Julia, Gabriel é tomado por uma estranha sensação de familiaridade, embora não saiba dizer por quê. A inexplicável e profunda conexão que existe entre eles deixa o professor numa situação delicada, que colocará sua carreira em risco e o obrigará a enfrentar os fantasmas dos quais sempre tentou fugir. 
Primeiro livro de uma trilogia, O inferno de Gabriel explora com brilhantismo a sensualidade de uma paixão proibida. É a história envolvente de dois amantes lutando para superar seus infernos pessoais e enfim viver a redenção que só o verdadeiro amor torna possível.

Ele é lindo, rico, com um passado sombrio e misterioso. Parece exalar luxúria e seu olhar é envolvente. Pensou em Christian Grey? Admito que num primeiro momento eu também, mas estou falando de Gabriel Owen Emerson personagem principal da trilogia O inferno de Gabriel, lançado no Brasil pela editora Arqueiro. 

Antes de falar mais eu preciso dizer que talvez esse livro não seja uma novidade para você. Eu mesma li o primeiro ano passado (2014) e me apaixonei. Como sou uma leitora digital, a primeira vez que li foi em ebook e desde então decidi que só iria ler os outros dois livros dessa trilogia em livro físico, pois essa história merecia esse tipo de reverência. No fim do ano ganhei o livro em um amigo secreto (beijos Ana Paula Ferraz) e finalmente consegui ler essa trilogia com o respeito que ela merece, por várias vezes quase não resisti, mas enfim... 

Com os livros em mãos fiz uma releitura da série (obs: só fiquei mais ansiosa pelo trabalho novo desse autor, Noites de Florença) e percebi que na primeira vez comparei muito Inferno com Cinquenta Tons de Cinza. É impossível não comparar, ambos são fanfics de Crepúsculo e Gabriel e Christian são semelhantes talvez por ambos serem inspirados no mesmo Edward, mas lendo com a cabeça livre, mais experiente e amadurecida essa segunda leitura me fez ver as diferenças e talvez eu fiquei ainda mais encantada com Gabriel Emerson nessa segunda vez do que na primeira. Entretanto, não briguem se eu comparar um pouco, foi inevitável na hora de escrever a resenha, mas quando li agora em 2015 estávamos em três, eu, Gabriel e Júlia. 

Para acabar com as comparações eu sou obrigada a dizer que elas não existem, mas vocês já ouviram falar de Leitura Viciosa? Quando você acredita tanto em algo que inconscientemente vê aquilo num livro? Eu acho que foi meu caso, eu estava com a ideia fixa de que eles seriam parecidos, quando na verdade, eles não são. Veja bem, Cinquenta Tons tem uma sexualidade mais marcante, as tendências sexuais de CG são o que dá ponto ao livro, mas o que encanta em Inferno é a inocência, o amor casto. Existe luxúria (eu descrevi o Gabriel usando essa palavra), mas existe um amor delicado que se forma antes disso, uma sedução que faz qualquer coração de pedra suspirar. 

Chega de comparar, agora é hora de falar somente de Gabriel e Julianne (Ou Julia para todos, menos professor Emerson). 

Julia e Gabriel, é difícil falar dos dois sem soltar spoilers. Ambos têm um passado de abuso e negligências que vamos descobrindo aos poucos, através deles conhecemos duas vítimas e entramos de cabeça e alma nas mentes de personagens que sofreram violência doméstica de vários tipos e níveis. Ainda com eles descobrimos os efeitos do abuso de drogas e álcool, tanto para quem é o viciado tanto para aqueles que estão próximos. É importante saber que não é algo que se limita ao Gabriel ou a Julia, mas sim aos dois, ambos tem grandes marcas em seus passados, cicatrizes. 
"Cicatrizes nunca desaparecem. Feridas podem se fechar e talvez até sejamos capazes de nos esquecer delas com o tempo, mas as cicatrizes são para sempre. Nem mesmo Jesus perdeu as suas."
Ver os dois juntos é ver almas fragmentadas sendo reunidas em um encaixe perfeito, torna-se impossível não torcer pelos dois. Gabriel é lindo, ele consegue ser sexy numa gravata borboleta, mas é altamente arredio, instável, acredita que não merece redenção pelo que fez no passado. 
“Meu nome é a mais amarga ironia. Estou mais perto de um demônio do que de um anjo, e estou além da redenção, porque eu fiz coisas imperdoáveis."
A beleza de Julia não está na aparência, apesar dela ser linda, mas sim em suas atitudes. Julia, é um anjo que vem para redimir um atormentado Gabriel, e apesar de ser tímida e recatada, vemos ela se fortalecer aos poucos para ser a força que Gabriel precisa, quando ele precisa. É claro que uma boa história tem antagonistas, como Christa, Professora Ann (ou Professora Agonia) e “ele” para citar alguns. E temos personagens que protegem os protagonistas, como Paul (eu amooooo o Paul! ) e a Rachel. E é claro que temos situações que impedem o amor desse casal, como a relação professor/aluno e algumas atitudes de Gabriel no começo, e temos pano para manga que só se desenrolam nos próximos livros. Se você por alguma razão ainda não conhece essa trilogia, não perca tempo, corra o mais rápido possível e descubra essa história de amor linda! 
"- Não acredito em contos de fadas.
- Eu gostaria de fazer você acreditar.
- A realidade é melhor do que a fantasia.
- Não se a realidade for a fantasia."

Título: O Inferno de Gabriel
Série: Gabriel's Inferno #1
Autor: Sylvain Reynard 
ISBN: 9788580411263
Ano: 2013
Páginas: 512
Editora: Arqueiro
Compre aqui: Amazon
Classificação:

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário