Resenhas

segunda-feira, 30 de março de 2015

:: Resenha 25 :: A Redenção de Gabriel, Sylvain Reynard


Sinopse: Parecia que eles seriam felizes para sempre. Mas toda relação tem seus conflitos. Depois do escândalo em que se viram envolvidos em Toronto, Gabriel e Julia se casaram e se mudaram para Massachusetts, onde ele dá aula na Universidade de Boston e Julia faz doutorado em Harvard. Agora ela precisa provar que não vive à sombra do marido famoso. Mas parece que Gabriel não está pronto para ver a esposa caminhar com as próprias pernas. Quando ela é convidada a dar uma palestra em Oxford, surge seu primeiro conflito: a linha de pesquisa dela diverge da teoria dele. Durante a conferência, os dois são obrigados a confrontar antigos rivais, entre eles a incansável Christa, que, ainda determinada a humilhar Julia, ameaça revelar um dos segredos mais obscuros de Gabriel. Além disso, as coisas entre eles não vão muito bem. Isso porque Gabriel está ansioso para ter um filho, mas Julia quer concluir o doutorado primeiro. Para ver realizado seu sonho de formar uma família, Gabriel terá que enfrentar fantasmas do passado. Será ele capaz de fazer isso? E será que a generosidade de Julia resistirá à ameaça de ver arruinada a carreira que ela tanto se esforçou para construir? A redenção de Gabriel é o desfecho brilhante dessa trilogia que arrebatou leitores no mundo inteiro.

Pela primeira vez eu não sei como começar uma resenha. Eu poderia iniciar dizendo que fui muito idiota por ter demorado tanto para ler essa trilogia, poderia dizer o quanto vou sentir falta da beleza delicada que Sylvain Reynard nos entrega a cada virar de página, ou até mesmo poderia dizer o quanto foi difícil ler Redenção sabendo que ele seria o último. E sei que teremos um pouco deles em Noites de Florença, eu sei que vou me apaixonar pelo Príncipe e pela Raven, mas ainda assim foi complicado. Nós passamo por tantas coisas junto de Julia e Gabriel que dar adeus é um passo quase como um luto (eu sou exagerada e vocês sabem disso!). Nós vimos o reencontro, nos encantamos por um certo pomar, nos deixamos levar pela sedução dele, sofremos com a separação forçada, podemos dizer que passamos por todos os ciclos do Inferno de Dante até chegar aqui, a tão esperada paz do "Felizes para sempre". E no fim, o que fica é que...
"-Só penso em você. Você é tudo para mim."
Gabriel e Julia estão casados, estão felizes e descobrindo o que é viver a dois. E vamos combinar? Depois de tudo que passaram, eles merecem. Entretanto,  as personalidades de cada um, principalmente do Gabriel, dão uma pitada de adversidade no caminho dos dois, e isso torna a leitura dessa última parte tão deliciosa. Julia está se tornando cada vez mais madura, aquela coelhinha assustada de Inferno não tem mais espaço em Redenção, se a separação em Julgamento serviu para algo, foi para fazer Julia se tornar uma mulher mais forte. Ah Gabriel... seu cabeça dura adorável, como sentirei sua falta!
"- A esperança jorra eternamente.
-É o que dizem.
- Amanhã eu lhe mostrarei. Eternamente."
Definitivamente esse livro foi mais erótico que os outros, entretanto sem deixar a marca do Sylvain. Não vamos ter aquelas partes eróticas que já viraram tão lugar comum, com descrições precisas de membros masculinos e o grau de umidade de certas partes femininas, não que eu esteja reclamando, eu curto um livro mais erótico, mas às vezes, somente às vezes, ler passagens onde o sexo é uma parte do amor mais puro e lindo, é realmente refrescante para uma alma romântica incurável, eu vou sentir falta disso, pelo menos até conhecer o Príncipe.
"-Só penso em você. Você é tudo para mim."
"Julia conhecia muito bem o corpo do marido, mas, ainda assim, vê-lo sempre a deixava sem fôlego. Ele tinha ombros largos que se afunilavam em direção à cintura e aos quadris finos, que emolduravam coxas musculosas. Seus braços, assim como o abdome, eram bem definidos, assim como o "V" dos músculos oblíquos que descia até seu sexo mais que proeminente."
Ainda sobre Redenção, tivemos momentos inteiros dedicados a praticamente todos os personagens que fizeram parte desse universo que Sylvain nos deu de presente. Richard, pai adotivo de Gabriel, me fez quase ir as lágrimas, mas não falo quando, se você leu, sabe o momento no começo ao qual me refiro. Rachel e sua luta para engravidar é um drama tão real... quem nunca conheceu uma mulher recém casada luando para coroar esse amor com um filho? (Particularmente, minha mãe lutou muito para engravidar e outras familiares minhas, então eu meio que já vi isso e adorei como Aron resolve o "problema"). Paul teve seu momento, sofri por ele e torci para ele encontrar o amor, ou melhor, enxergar! E por fim, Christa, aquela vaca, continua aprontando, mas seus atos tiveram graves consequências, sejam na parte acadêmica ou na vida pessoal, e nessa parte, mesmo o mais frio dos corações sentiu uma certa pena da vac... digo da Christa. Aliás, esse é um tema recorrente na trilogia, e apesar de forte, foi tratada de forma espetacular pelo autor.

E sim, meus lindos! Nós conhecemos rapidamente o Príncipe de Florença em Redenção. Ele aparece rapidamente em algumas páginas, e já mostra a que veio, com uma personalidade marcante, marrento... ok eu confesso, já gostei dele e quero muito mais desse personagem enigmático! E se você não lembra dele em Redenção e ainda não leu O Príncipe das Sombras e A Transformação de Raven, já tem uma desculpa para reler toda a trilogia: conhecer o Príncipe u.u

"Quando Julia varreu a multidão, um rosto se distinguiu. Um homem de aparência jovem, de cabelos claros, com estranhos olhos cinza olhava na direção dela sem piscar, com uma expressão de intensa curiosidade. Sua reação era tão diferente da dos outros convidados que Julia não pode fazer nada além de retribuir o olhar, até Gabriel cutucá-la, fazendo com que ela voltasse a prestar atenção no anfitrião.
(...)
A multidão aplaudiu, com uma única exceção. Ninguém pareceu notar a reação cínica do homem louro ao chamado de Gabriel de uma vida virtuosa nem o desprezo que ele demonstrava quando Dante era citado."

Para finalizar, eu só quero dizer uma coisa. Se você ainda não leu essa linda saga de amor, não perca mais tempo! A trilogia Inferno de Gabriel, merece lugar de destaque na sua estante. Você precisa conhecer Gabriel, Julia, Paul, Katherine Picton, você simplesmente precisa! Leia, leia, leia!!
"Por você, meu amor, eu arrancaria as estrelas do céu só para colocá-las aos seus pés."
Título Original: Gabriel’s RedemptionSérie: Gabriel's Inferno #3
Autor: Sylvain Reynard
ISBN: 9788580412406
Ano: 2014
Páginas: 432
Editora: Arqueiro
Compre aqui: Submarino
Classificação:

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário