Pular para o conteúdo principal

5 Razões para... Ler Irmandade da Adaga Negra!

Você já fez uma lista de razões para gostar de algo? Exemplo, tem aquela sua amiga ou amigo que você quer muito que leia uma série de livros por que você simplesmente ama a série e o seu amigo(a) precisa conhecer esse amor. Afinal, você está fazendo um bem ENORME para ele, apresentando aquela saga imperdível e de quebra você ganha um companheiro de leitura para debater cada novidade até o próximo lançamento. Agora a pergunta é: como fazer o seu amigo ler tal série? Como vender o seu peixe, digo livro, para ele ler? Uma lista! 
Não sabe como? Então vem que o Viciados em Leitura vai te ajudar. De tempos em tempos, não vou prometer uma data, desculpem, mas minha vida está meio bagunçada, enfim, de tempos em tempos nós vamos trazer uma lista com 5 razões sobre algum livro, saga, autor, qualquer assunto e desde já estou aceitando sugestões para listas! Para a estreia, vamos começar com 5 razões para ler Irmandade da Adaga Negra, da J.R.Ward! 

Razão 1

Nada é mais brochante que uma série que começa e para, não é verdade? Com IAN ( a sigla para Irmandade da Adaga Negra) graças a Deus não temos problemas quanto a publicação. Até o momento a Universo dos Livros, responsável pela publicação no Brasil, tem publicado os livros de IAN no mesmo ano que a autora, J.R.Ward. Apesar de demorar alguns meses entre o lançamento internacional e o nacional, dá para aguentar, ainda mais sabendo que vai acontecer. 

Razão 2

J.R.Ward. Ela por si só já é uma razão. Bem humorada, louca, protagonista do evento mais bizarro que enlouquece meu twitter, Ward é um show a parte. Para falar o mínimo, a mulher curte uns raps pesados e sempre mete eles nos livros ou dedica alguns raps para os personagens. No primeiro sábado depois de cada lançamento, tem a sua já tradicional tarde de autógrafos, onde além de revelar qual casal será o protagonista do próximo livro da saga, ela responde pergunta dos fãs, solta alguns spoilers (geralmente sem querer) e sempre larga o seu famoso Keep reading (Continue lendo)! 

Razão 3

Os Vampiros. Ok, essa parte é complicada, por que infelizmente tem gente com a cabeça do tamanho de um amendoin que acha vampiro coisa de gente inculta. Não escute essas pessoas, mande um beijo no ombro para eles e encare esses vampirões de frente! Do tamanho de jogadores de futebol americano e tão largos quanto um guarda-roupa, eles são fortes, viris, mandões, dominantes e sexys! Com cada um melhor que o outro, a dificuldade vai ser escolher o seu favorito!

Razão 4

Amante Finalmente. O 10 livro da saga veio para quebrar tabus! Durante vários livros acompanhamos o crescimento de Qhuinn e Blaylock, dois vampiros machos que segundo a sociedade preconceituosa e machista retratada no livro, a Glymera, deveriam encontrar uma fêmea, casar e ter filhos. Porém, eles são gays! E sim, meus amores, o 10 romance de IAN é um romance homossexual e de certa forme quebrou muitos preconceitos dos leitores da saga, pois não foram poucas as fãs que leram em Amante Finalmente, o seu primeiro romance com um casal gay!

Razão 5

Cada livro supera o anterior. Atualmente temos 12 livros lançados nos EUA, 11 lançados no Brasil e o 13º livro a ser lançado já tem nome e casal, The Beast será sobre Rhage e Mary, casal que receberá um segundo livro. Com múltiplas coisas acontecendo, a Ward consegue escrever uma trama que a cada livro ficamos ansiosas para saber o que vem a seguir e ao mesmo tempo temos um fechamento de uma história, ao mesmo tempo um final feliz e uma angustia para as histórias que vão vir! Como resistir a isso? 

Comentários

  1. Concordo com todas as razões Talita, pois sou muito fã da série IAN. Já estou ansiosa com o lançamento dos Sombras. Tomara que não demore aqui no Brasil.

    Bjos

    http://historiasexistemparaseremcontadas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Amo séries, porém nunca tinha visto essa ainda.
    Me chamou bastante atenção. Espero ler todos algum dia desses.
    Abs

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

:: Resenha 181 :: "After 5 - Depois da Promessa", Anna Todd

Sinopse: Bem quando Hardin acreditava já ter enfrentado todos os fantasmas de seu passado, um terrível segredo sobre seus pais é revelado, despertando os seus piores demônios internos. Tessa sabe que só ela tem o poder de aliviar todos os sentimentos de raiva, traição e confusão que afligem seu amado badboy. Só ela sabe como salvá-lo de seu ciclo autodestrutivo. Mas dessa vez ela não pode. Porque, quando menos espera, sua vida é para sempre alterada por uma tragédia. Hardin e Tessa prometem lutar com todas as suas forças para que o destino não os separe para sempre. Mas o que acontecerá quando suas forças chegarem ao fim? Depois da promessa... qual será o desfecho dessa história? G ente... *pausa dramática*... Eu sobrevivi à série After ... "É isso aí, garota!!!" (Crika e Mari, do Grupo de Apoio After, representadas pelas lindas Meryl Streep e J.Lo)

:: Resenha 153 :: “After 3 – Depois do Desencontro”, Anna Todd

O k, vai ter spoiler sim e se reclamar vai ter mais! Brincadeeeeeeiraa!!! =P É que assim, vamos combinar? Resenha do terceiro livro onde acontece coisa pra diabo, não tem como, vai rolar uns spoilerszinhos de leve, então fique avisado, certo? Se quiser seguir, siga, se não quiser, comenta assim mesmo hahahaha. Bom, parece que todo livro dessa mulher termina com uma bomba. O segundo terminou com a Tessa guardando um segredinho básico do Hardin, lembra que eu até comentei na resenha ? Então, além disso, terminou com ela dando de cara com o pai e é assim que este terceiro livro começa. Confesso que antes de começar, ao ler a contracapa que diz... Sinopse: Tessa passa pelo momento mais difícil de sua vida. Enquanto luta para crescer na carreira com a qual sempre sonhou, seu mundo é virado de ponta-cabeça: a inesperada aparição de seu pai e uma traição imperdoável a deixam mais fragilizada do que nunca. Hardin — com seus beijos viciantes, seu toque incendiário e seu ch

:: Resenha 260 :: "Dois Irmãos", Fábio Moon e Gabriel Bá

Sinopse: Um dos livros mais importantes da literatura brasileira contemporânea, Dois irmãos vem, desde seu lançamento há quinze anos, conquistando novas gerações de leitores. E foi com o mesmo entusiasmo desses leitores que Fábio Moon e Gabriel Bá embarcaram na missão de adaptar o romance de Milton Hatoum para uma graphic novel. Os irmãos quadrinistas vêm igualmente arrebatando fãs e trazendo uma legião de leitores às HQs. Suas obras foram publicadas em diversos países, atravessando fronteiras culturais e políticas.  Preservando a força narrativa de Hatoum, esta adaptação evidencia o talento de Bá e Moon na construção de histórias que alternam entre a tragédia, a delicadeza, a brutalidade e o humor. Então..né! Bora começar a resenha...