Resenhas

segunda-feira, 17 de agosto de 2015

:: Resenha 72 :: No Mundo da Luna, Carina Rissi

Sinopse: A vida de Luna está uma bagunça! O namorado a traiu com a vizinha, seu carro passa mais tempo na oficina do que com ela e seu chefe vive trocando seu nome.
Recém-formada em jornalismo, ela trabalha como recepcionista na renomada Fatos&Furos. Mas, em tempos de internet e notícias instantâneas, a revista enfrenta problemas e o quadro de jornalistas diminuiu drasticamente. É assim que a coluna do horóscopo semanal cai no colo dela. Embora não tenha a menor ideia de como fazer um mapa astral e não acredite em nenhum tipo de magia, Luna aceita o desafio sem pestanejar. Afinal, quão complicado pode ser criar um texto em que ninguém presta atenção?
Mas a garota nem desconfia dos perigos que a aguardam e, entre muitas confusões, surge uma indesejada, porém irresistível paixão que vai abalar o seu mundo. O romance perfeito — não fosse com o homem errado. Sem saída, Luna terá que lutar com todas as forças contra a magia mais poderosa de todas, que até então ela desconhecia: o amor.
Com seu estilo ágil e fluido, Carina Rissi criou em No mundo da Luna uma leitura viciante, permeada de humor, magia e paixão, que vai conquistar você do início ao fim.

Gente, vamos lá! O que dizer sobre essa autora que nunca vi, mas já considero pacas?? O que é Carina Rissi, meu povo?! Essa mulher é simplesmente demais! Já havia lido Procura-se um marido e achado ótimo, mas no No Mundo da Luna?! Para tudo que eu quero descer!!! Ele é MA-RA-VI-LHO-SO!! 
Ganhei esse livro no sorteio de cortesias do Skoob não faz muito tempo, e encaixei ele logo na minha TBR da Maratona Literária de Inverno. Desafio: Um livro que você ganhou. #PartiuLuna

No Mundo Da Luna é um livro com a capa super linda, mas com 500 páginas, o que me deu um pouco de medo... Errei, errei feio, errei rude! São 500 paginas de pura diversão! Claro que também rola um draminha básico, romance e tudo mais, mas a Luna é super gente como a gente. Não tem como não se identificar com ela. É incrível como entrei em tamanha sintonia com a Luna de maneira a sentir tudo que ela sentia no livro! Chorei, gargalhei, me irritei, tudo! Eu estava literalmente no mundo da Luna.

Bem, vamos ao livro!
Luna é uma jovem jornalista recém-formada que conseguiu emprego numa das mais renomadas revistas, a Fatos&Furos... Como recepcionista.
Luma odeia seu trabalho, odeia sua vida no momento, mas principalmente odeia seu chefe. Dante! Aquele grosso mal educado que desde o primeiro dia a chama de Clara! Nem se deu ao trabalho de saber o nome certo dela!

“Eu estava organizando os copos de água mineral sobre a mesa quando Dante entra, batendo a porta branca atrás de si.
– Muito bem, vamos resolver essa merda de uma vez.
Assustada, derrubei um dos copos ao som de seu rugido – Ainda bem que estava lacrado. Infelizmente apenas o copo permanecia assim, mas lacrar a boca do Dante era um sonho que eu acalentava com carinho durante os últimos cinco meses.”

Luna divide apartamento com sua melhor amiga, tem um irmão super protetor, seu pai está estudando pássaros exóticos na Patagônia com sua nova esposa que é da idade dela, sua mãe faleceu no seu parto e acabou sendo criada pela avó.

Não podemos deixar passar o detalhe mais importante, Luna é meio cigana. Sua avó é uma cigana antiga de seu clã e até hoje se recente por Luna não se interessar pela cultura da família e culpa seu pai, aquele Gadji maldito, por ter distanciado Luna de sua verdadeira origem.

Luna acabou de descobrir uma traição de seu namorado de anos e termina o namoro. Arrasada com tudo isso, não vê o que mais de pior possa acontecer. Até o momento em que numa reunião de pauta, descobre que a colunista responsável pelo horoscopo da revista vai para a concorrente e deixa a Fatos&Furos na mão, e Dante acaba oferecendo a coluna a Luna.

Vendo a sua oportunidade de sair finalmente daquela recepção e ter seu próprio espaço, por mais que seja fazendo o horóscopo, Luna agarra essa oportunidade com unhas e dentes e sai em partida desse novo desafio.... Que mal sabe ela, vai se transformar no seu maior pesadelo.

“– Puta que pariu! – gritou ele me assustando ao aproximar o rosto do meu e examina-lo com muita atenção. Ou atenção suficiente, dado o seu estado – Zeus olhos zão verdes que nem azeitona.
 – Zão. Os dois! – concordei orgulhosa.
Ele riu.
 – Zão lindos! Os dois. Vozê é engrazada. – ele ajeitou os óculos de novo. E ficaram ainda mais inclinados.
 – É porque vozê tá bêbado.
Ele assentiu.
 – Tô. Eu gosto de vozê quando vozê tá bêbada.
 – Eu também gosto de vozê quando eu tô bêbada.”

Luma pede ajuda a sua avó que logo se nega a ajudar, porque com magia, não se brinca e Luma não está levando isso a sério porque, afinal de contas, ela é uma jornalista e acredita apenas em fatos, concretos! Magia é besteira! Magia não existe!

Sem a ajuda de sua avó, Luma parte para uma lojinha de artigos exotéricos e lá compra um baralho de cartas de tarô muito antigo que pertenceu a cigana mais famosa de sua época, ela não errava nunca! 

Não tendo outro jeito, Luma tenta fazer os signos através do tarô e usa o pseudônimo de Cigana Clara. O tempo passa e as coisas vão indo bem, só que uma coisinha muda... Ela acaba descobrindo que Dante não é tão horrível assim e acaba se envolvendo de maneira avassaladora com ele. Só que isso não pode acontecer de jeito nenhum! Ele é seu chefe, é um grosso, e sua vozinha lhe disse que seu homem apareceria, e Dante estava atrapalhando ela!

“– Não vai embora assim, Luna.
 – Desculpa, tenho mil coisas para fazer – alcancei a maçaneta.
 – E isso aqui é para guardar de recordação, ou você pega na próxima vez?
Dante segurava meu sutiã velho, desbotado e com renda furada, (como eu poderia saber que alguém além de mim veria o estado penoso daquela peça? Jurei em silêncio jogar fora todas as minhas lingeries que estivessem com furos, sem elástico, descosturadas ou desbotadas. O que me deixaria com aproximadamente, três calcinhas e meio sutiã ), e o girava no dedo como se fosse uma hélice.”

E o livro vai contando essa luta de Luna pra resistir ao chefe, seus problemas com o ex, suas atrapalhadas com o tarô e por fim, o dilema entre manter sua felicidade de forma egoísta ou abrir mão disso tudo por um bem maior.

Esse foi um livro que eu queria muito que virasse filme. Acho que daria uma excelente comédia romântica! Eu super recomendo, eu super adorei, ele está no meu top-top livros e eu vou parar por aqui senão me empolgo de vez e conto o livro todo!!

Boa leitura gente!!!!

Título: No Mundo da Luna
Autora: Carina Rissi
ISBN-13: 9788576863021
ISBN-10: 8576863022
Ano: 2015 
Páginas: 476
Editora: Verus
Compre aqui: Amazon
Classificação:


Comente com o Facebook:

25 comentários:

  1. PRE-CI-SO ler o meu!!!!!!!!!! Amo essa mulher!!!!!!

    ResponderExcluir
  2. Ana, eu paquero esse livro desde quando foi lançado mas ainda não comprei ... :( eu sou louca pela Carina !!! O primeiro livro dela que eu li foi Procura-se um marido e eu AMEI !!!! Depois li Encontrada e Perdida que sou apaixonada !!!!
    A Carina escreve super bem, eu me diverti e me emocionei em todas as histórias dela, tenho certeza que No Mundo da Luma não vai ser diferente ! :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu ganhei esse livro num sorteio do skoob.... Gracas a Deus!! huahuahuahua... E Perdida só começo quando todos os livros estiverem lançados! quero esperar não!! to com trauma! huahuahuahuhua

      Excluir
    2. Ana, eu te entendo, tb. sou traumatizada !!!! kkkkkkkkkkkkk Mas confia em mim, pode ler tranquila Perdida e Encontrada, tenho certeza que vc vai amar !!!!

      Excluir
  3. Estou com sérios problemas com esse livro porque... bem, assim como a avó dela, não consigo ver uma mulher em Luna e sim uma criança de 7 anos, mimada e teimosa, que insiste em continuar colocando o dedo na tomada porque acredita que a tomada não deveria dar choque, independente de todos avisarem a ela que dá choque. E, pior, quando ela leva o choque NOVAMENTE, fica irritadíssima e culpa a tomada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. huahuahuahuahuahua... acho que foi justamente esse jeito moleca teimosa, cabeça dura e mula empacada que me ganhou! huahuahuahuahu, vá entender?!

      Excluir
    2. Eu estava até aceitando bem, sabe Ana... até a metade do livro. Depois comecei a achar que estava "exagerado demais". Quando ela falou o último "e foi assim que concluí que ele não me ama", soltei um palavrão de irritação que não deve ser repetido ou irá denegrir minha imagem de menina educada.

      Achei que ficou cansativo, pesou na mão na retardadisse de uma mulher que, supostamente, deveria ter 25 anos.

      Excluir
    3. Mari, vou te falar, esse supostamente hoje em dia, tá mais para normalmente... huahuauhua
      Tem um povinho que só Jesus na causa... :P
      Que chato que não fluiu pra você esse livro... É seu primeiro da Rissi ou já leu outros???

      Excluir
  4. Eu não gosto muito de livros de taro, exoterismo e etc.. Mas gostei da historia e esse foi o livro da autora que mais me chamou atenção.
    O livro parece ser engraçado, divertido, e imagino que a personagem vai passar por muitas confusões.
    Mas eu tava curioso para saber, será que a autora vai escrever alguma continuação para ele?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha que curioso, mesmo não acreditando muito, adoro ler sobre essas coisas. Mas isso também me decepcionou no livro. Tirando raras passagens, o tome é abordado de forma completamente superficial. =(

      Excluir
    2. Thiago, a principio acho que não. até porque o final do livro ficou sem ponta solta. Mas sabe como é né? vai que... rs.
      Mas pode deixar que se soubermos de algo, avisamos aqui! :P

      Excluir
    3. Eu li uma matéria quando o livro foi lançado que ele seria único, mas como a Ana disse: VAI QUE !!!

      Excluir
    4. Obrigado meninas pela informação. Pretendo ler logo esse livro, e se for bom espero que tenha continuidade. :)

      Excluir
    5. Ana comecei a ler esse livro ontem, e realmente ele é bom. A leitura flui naturalmente, e ele desde o começo tem partes muito divertidas, como os pensamentos assassinos dela com o chefe.
      Vou prosseguir com a leitura, e espero continuar gostando.

      Excluir
  5. Eu ainda não li esse livro mas já esta na minha lista de leitura.
    Fiquei curiosa para saber sobre Luna e o chefe. Se tem algo que amo em livros é historias de romance com o chefe. rsrsrrsrs
    Ótima resenha Ana, espero gostar desse livro, quem sabe entra para o meu top também. ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha, Rissi entrou meio que se querer na minha vida e em ambas as situações, ( Procura-se um Marido e No Mundo da Luna), foram super legais! Não me arrependo. É uma leitura que meche com você, te deixa com raiva, com amor, apaixonada, triste, irritada, feliz, tudo isso e mais um pouco.
      Pelo menos comigo foi assim! Espero que seja assim com você também Thaísa! :P

      Excluir
  6. Eu adorei a resenha , foi muito bom saber mais sobre esse livro.
    Achei a historia bem divertida, adoro livros que acontecem muita coisa na vida da personagem. Sera que a personagem consegue ver algo no esoterismo sobre si mesma? Estou super curiosa para ler esse livro.
    Ana pela sinopse já da pra ver que muita coisa vai acontecer, então acho que dá um bom filme sim.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kelis, filme óóóóótimo!!! adoro comedia romântica... <3

      Excluir
  7. CARINA RISSI??? PARA TUDO, rsrs. Eu leio qualquer coisa dessa autora, adorooooo. Parabéns pela resenha, adorei os trechos destacados, fiquei com gostinho de quero mais. Faz um tempo que estou relutando em ler esse livro, porque eu sei que vou devorá-lo em dias, e eu quero apreciar a leitura com calma rsrs. Quem sabe Ana esse livro vire filme, porque o outro livro dela Perdida está sendo adaptado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é né?! eu queria muito ler Perdida, mas tenho um código de honra: somente ler series terminadas... ainda faltam alguns livros e eu tenho sérios ataques de panico quando fico esperando o próximo lançamento.. huahuahua

      Excluir
    2. Eu também não gosto muito de ler series que ainda não forão terminadas, dá uma aflição de ficar no vácuo rs.

      Excluir
  8. Ana, o mulher torturadora,kkkk ten dinheiro pra isso tudo de livro não kkkk.
    Otima resenha,esse deu vontade de ler,parece ser divertido,gosto de livro com essa tematica,uma mistura de tudo.

    ResponderExcluir
  9. Gosto do estilo da Carina, isso é fato. Libtodos os seus livros, e tive o que eu chamo de paixão ao primeiro livro com Procura-se um marido. Vejo muitos comentários acerca dos livros da série Perdida, mas, na minha opinião, No mundo da Luna é o melhor! Comecei amando o primeiro parágrafo do livro, onde Luna diz que odeia a segunda feira, seu trabalho, seu chefe, sua vida. Quem nunca se sentiu assim? Eu estava neste humor no dia em que comecei a ler o livro. No mundo da Luna é um romance divertido, irreverente e lindo. Me peguei rindo com a leitura por muitas vezes e Dante me fez suspirar, afinal, ele é um nerd pra lá de gostoso! Simplesmente maravilhoso!

    ResponderExcluir
  10. Esse é aquele livro que a garota é uma cigana? Acho que sim! Não tinha me interessado no livro com uma resenha anterior que li, mas gostei bastante da sua resenha e fiquei curioso como Luna desenrola todos esses problemas enfrentados em sua vida. Apesar de não gostar o bastante da autora, darei uma chance a ela com este livro.

    ResponderExcluir