Pular para o conteúdo principal

:: Resenha 125 :: Retalhos, Craig Thompson


Sinopse: Uma das Graphic Novels mais premiadas dos últimos tempos, Retalhos é um relato autobiográfico da vida de Graig Thompson, no Meio Oeste americano. Retratando sua própria história, da infância até o início da vida adulta, numa cidadezinha de Wisconsin, no centro dos Estados Unidos, que parece estar sempre coberta pela neve. Retalhos trata da trágedia e das dores, físicas e morais, de crescer sentindo-se diferente do ambiente que o cerca. E a coragem necessária para questioná-lo e seguir rumos distintos dos que lhe são pregados. Como história de amor, Thompson dedica páginas e páginas a representar uma única sensação: nas frias noites de nevasca, como é dormir pela primeira vez com alguém que você ama, em um conjunto sob as cobertas. Traz, enfim as dores e as paixões dos melhores romances de formação, mas dentro de uma linguagem gráfica própria e extremamente original.






Então, bora falar de Retalhos...

Retalhos é uma Graphic Novel que há muito tempo eu desejava ter. Quando a nossa parceira Companhia de Letras me enviou, eu fiquei nas nuvens. Larguei os livros que estava lendo e corri para começar a lê-lo. A expectativa era grande e o medo de me frustar também, mas confesso que o autor Craig Thompson conseguiu, em 592 páginas, me levar para seu mundo e me mostrar que meu medo era bobo, pois a experiência que ele me proporcionou foi a mais fantástica, prazerosa e gratificante que tive nesses últimos tempos.


Nessa Graphic Novel vamos conhecer algumas passagens de Craig Thompson, que nasceu em Traverse City, Michigan em 1975 e foi criado na zona rural de uma pequena cidade de Wisconsin. 



Durante sua infância até o inicio da vida adulta, o caminho que ele trilha é mostrado em belas ilustrações, onde o autor reúne suas  memórias e nos presenteia de uma forma interessante e notável seu relacionamento com o seu irmão mais novo Phil, com quem dividia não só a cama, mas muito dos momentos importantes. Sua relação com seus pais super religiosos, seus questionamentos sobre a religião e a experiência de amar pela primeira vez.



Em relação à Raina, Craig expressa seus sentimentos de uma maneira leve, sutil e verdadeiro. Suas descobertas e  prazeres são  narrados em belíssimos desenhos. 






Conforme você vai lendo, fica impossível não se pegar refletindo, e ver que pelo menos em algum momento da nossa vida, já passamos por algo que ele passou. Sua sensibilidade em descrever sua própria história é comovente demais, uma experiência única e inesquecível.

Suas dúvidas, inseguranças e dificuldades são os pontos fortes de Retalhos. Gostei bastante da maneira em que Craig conseguiu ilustrar esses momentos, onde começa a questionar tudo aquilo que lhe foi passado pelos pais e pela igreja.Todos os conflitos vividos tanto nessa parte, quanto os outros que não vou citar para não dar spolier, é extremamente sensível e sua narrativa flui de uma maneira inebriante, fazendo você devorar o livro.

Retalhos foi vencedor de três prêmios Harvey (melhor artista, melhor graphic novel original e melhor cartunista), dois prêmios Eisner (melhor graphic novel e melhor escritor/artista), e, em 2005, do prêmio da crítica da Associação Francesa de Críticos e Jornalistas de Quadrinhos.


Capa americana

“Pela primeira vez, fiquei mais do que feliz de estar onde estava. Mas não conseguia dormir. Então fiquei escutando a respiração de Raina e, mais abaixo, as batidas de seu coração, e por sobre tudo, o murmúrio delicado dos espíritos pelo quarto.”

Então é isso, Retalhos é a história de Craig tentando achar seu próprio lugar, dentro de um ambiente pré estabelecido. Uma obra de arte, sensível, divertida, poética e realista. É inquestionável seu mérito artístico e eu recomendo com certeza.


Título: Retalhos
Título Original: Blankets
ISBN-13: 9788535914481
ISBN-10: 853591448X
Ano: 2009
Páginas: 592
Compre aqui: Submarino
Classificação:

Comentários

  1. Oooi! Que livro bacana :) Gosto de ilustrações, acho imã arte tão mágica! Desenhar é algo que eu tenho em mim desde pequena, mas infelizmente não tenho desenhado mais. Pretendo voltar im dia!
    Gostei muito de como escreveu a resenha, muito legal em poder lê-la e sentir-se bem e acompanhar até o final.
    Me perguntei se ele está ainda com esta mulher!
    Beeeijos.
    .
    .
    .
    Thoughts and Adventures

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz em saber que gostou da resenha e se um dia chegar a lê-lo, vou adorar saber sua opinião sobre o livro. Adorei saber que desenha Ruhh, gostaria de um dia poder ver algo seu... =D
      Beijo grande!

      Excluir
  2. História em quadrinhos, que legal ! Pela sua resenha, Retalhos mostrar bem a vida de um jovem que viveu perdido e teve situações ruins na infância e adolescência.
    Deve ser uma história bem dolorida né ? :/

    Parabéns Grazi, a resenha está ótima !!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Fran!! Que bom que gostou... =D

      Realmente tem momentos que é bem triste, mas a maneira como ele nos mostra é uma experiência bem bacana. Sua sensibilidade também é um dos pontos fortes nessa Graphic e me comoveu bastante. Espero que você coloque ele na sua lista Fran!! ;)

      Excluir
    2. Já está na minha lista Grazi, mas agora não é o momento certo para eu ler nada tão intenso ... mas eu breve eu leio com certeza !!!

      Excluir
  3. Oie, essa Novel deve ser fantástica. Delicada e gostosa de ler.
    Ele ilustrar a relação com o irmão é tão legal!

    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, ela é fantástica Helana e os momentos dele com o irmão, são marcantes demais! Confesso que cheguei a chorar várias vezes. =P

      Beijo grande! ;)

      Excluir
  4. Que sorte receber da editora o livro que você queria tanto!
    As ilustrações são incríveis! Amei!
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo, fiquei tão feliz quando recebi ele! As ilustrações são incríveis mesmo e apaixonantes demais! Sem contar a história, que é maravilhosa, espero que tenha oportunidade de conferir essa Graphic Novel. ;)

      Excluir
  5. Adoro livros que tenham ilustrações, tornam o livro ainda mais interessante, a história me parece ser muito legal.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Daniela as ilustrações me encantou já na primeira página. Sou apaixonada por HQs e agora estou entrando no mundo dos Graphic Novels e confesso que não vou sair dele tão cedo hahahaaha.
      Beijo grande! ;)

      Excluir
  6. Oie!
    Gostei bastante dos traços e da temática.
    Ótima dica!

    Beijos!
    Gatita&Cia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tatiana, coloca ele na sua lista! Tenho certeza que vai gostar... =D
      Beijo grande. ;)

      Excluir
  7. Olá!

    Que ilustrações maravilhosas! Não o conhecia, mas me interessei, ainda mais por ser uma história real. Vou pesquisar mais sobre ele e ver se consigo meu exemplar.

    resenhaeoutrascoisas.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Faça isso Kamila, você vai se surpreender.
      Depois me fala o que achou... ;)

      Excluir
  8. Saudações literárias! Gostei muito do livro e as ilustrações são realmente fantástica. Apesar que esse gênero literário não faz meu gosto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. São sim, fantásticas!! Espero que um dia possa dar uma chance para esse gênero e se der, que comece por ele. Acho que vai se surpreender... =D

      Excluir
  9. Oi....
    Não conhecia o livro. Achei muito legal...e adorei a tua resenha, mas olha as fotos ficaram show....Adorei. ...post gostoso de ler e alegre. Parabéns.

    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Denise. =D
      Coloque ele na sua lista e depois me conte se chegar a lê-lo... ;)
      Beijo grande.

      Excluir
  10. Oi....
    Não conhecia o livro. Achei muito legal...e adorei a tua resenha, mas olha as fotos ficaram show....Adorei. ...post gostoso de ler e alegre. Parabéns.

    Bjs

    ResponderExcluir
  11. Olaa!

    Eu não conhecia esse livro, e faz muuuuito tempo que não leio GN. Gosto das ilustrações. Gostei da sua resenha que ficou simples mas bem detalhada e das fotos que conseguiu ilustrar bem o livro.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Ana, espero que volte a ler novamente GN. ;)

      Excluir
  12. Olá! Gostei muito da resenha e as ilustrações são sensacionais! Deu vontade de ler! Abraço!

    http://pacoteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou da resenha. Espero que tenha a oportunidade de ler essa Graphic e que comente depois, o que achou da história. ;)

      Excluir
  13. Aaah não! Eu quero, eu quero. Adoreiiii as ilustras, alias fiquei fascinada por elas kkkk
    E sua resenha só me deu um baita empurrão para querer comprar "Retalhos". :D

    Bjokas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Compra sim Giselly, tenho certeza que vai amar! =D

      Beijo grande!

      Excluir
  14. Oii... Amo quadrinhos e de cara já gostei do livro, estava pesquisando e a história parece bem legal, despertou minha curiosidade e o que ajudou foi saber que o livro possui 592 páginas, nunca vi um livro de história em quadrinhos ser tão grande, já estou doida pra ler, o livro já está em minha lista!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bruna o livro possui 592 páginas, que você não vê passar. Sério... eu li muito rápido essa Graphic e fico muito feliz, em saber que colocou ela em sua lista. =D

      Excluir
  15. Oi Graziela, sua linda, tudo bem
    Achei linda essa história, parece ser bem poética como disse, super sensível. E as ilustrações estão super diferentes. Fiquei impressionada com a premiação que o autor recebeu. Tenho certeza de que irei me emocionar com o relacionamento dele com o irmão, me questionar quando ele tiver suas dúvidas também. Esse título está perfeito!!! Não conhecia, mas não vejo a hora de ler. Sua resenha ficou ótima!!!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cila, obrigada! A história realmente é sensível e não tem como não se emocionar, principalmente nos momentos em que o irmão aparece. Tenho certeza que vai amar essa Graphic quando ler, e posso dizer que o autor mereceu cada prêmio que ele ganhou. Retalhos é maravilhoso e surpreendente.
      Beijo grande!

      Excluir
  16. Oii,

    Estou querendo muito esse livro. Eu adoro ilustrações e Graphic Novels, e essa está tão linda e os traços são tão lindos, que estou muito curiosa em conhecer a história do autor.

    beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As ilustrações são maravilhosas e espero que tenha a oportunidade de conhecer essa história magnífica. ;)
      Beijos..

      Excluir
  17. Estou babando aqui.. Apaixonada!!!
    Parabéns pela resenha.
    abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada e tenho certeza que quando ler essa Graphic, vai se apaixonar mais ainda. =D

      Beijo...

      Excluir
  18. Oi!
    Nossa esse livro ganhou muitos prêmios mesmo, ainda não conheço as graphic novel por isso achei essa bem interessante e adorei as ilustrações quero ler alguma para ver se gosto e essa pareceu ótimo livro para começar !!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

:: Resenha 153 :: “After 3 – Depois do Desencontro”, Anna Todd

O k, vai ter spoiler sim e se reclamar vai ter mais! Brincadeeeeeeiraa!!! =P É que assim, vamos combinar? Resenha do terceiro livro onde acontece coisa pra diabo, não tem como, vai rolar uns spoilerszinhos de leve, então fique avisado, certo? Se quiser seguir, siga, se não quiser, comenta assim mesmo hahahaha. Bom, parece que todo livro dessa mulher termina com uma bomba. O segundo terminou com a Tessa guardando um segredinho básico do Hardin, lembra que eu até comentei na resenha ? Então, além disso, terminou com ela dando de cara com o pai e é assim que este terceiro livro começa. Confesso que antes de começar, ao ler a contracapa que diz... Sinopse: Tessa passa pelo momento mais difícil de sua vida. Enquanto luta para crescer na carreira com a qual sempre sonhou, seu mundo é virado de ponta-cabeça: a inesperada aparição de seu pai e uma traição imperdoável a deixam mais fragilizada do que nunca. Hardin — com seus beijos viciantes, seu toque incendiário e seu ch

:: Resenha 181 :: "After 5 - Depois da Promessa", Anna Todd

Sinopse: Bem quando Hardin acreditava já ter enfrentado todos os fantasmas de seu passado, um terrível segredo sobre seus pais é revelado, despertando os seus piores demônios internos. Tessa sabe que só ela tem o poder de aliviar todos os sentimentos de raiva, traição e confusão que afligem seu amado badboy. Só ela sabe como salvá-lo de seu ciclo autodestrutivo. Mas dessa vez ela não pode. Porque, quando menos espera, sua vida é para sempre alterada por uma tragédia. Hardin e Tessa prometem lutar com todas as suas forças para que o destino não os separe para sempre. Mas o que acontecerá quando suas forças chegarem ao fim? Depois da promessa... qual será o desfecho dessa história? G ente... *pausa dramática*... Eu sobrevivi à série After ... "É isso aí, garota!!!" (Crika e Mari, do Grupo de Apoio After, representadas pelas lindas Meryl Streep e J.Lo)

:: Resenha 168 :: “After 4 – Depois da esperança”, Anna Todd

Sinopse: Depois de tantos obstáculos, Tessa e Hardin estão, enfim, mais maduros como casal. As dificuldades causadas pelo gênio forte dele e pela impulsividade dela ainda existem, mas eles já não conseguem negar o amor que sentem um pelo outro. Mesmo morando em cidades diferentes, estão mais apaixonados do que nunca. Se a química entre os dois já era explosiva antes, agora que eles se entregaram de vez a essa paixão, cada encontro será mais ardente do que o anterior. Mas uma cruel reviravolta do destino trará à tona todos os fantasmas do passado de Hardin. Depois da esperança, haverá forças para enfrentar mais dificuldades? Q uem acompanha as minhas resenhas de After, sabe que eu sofro lendo esses livros, sabe que surto querendo jogar ele na parede ou que eu morro de vontade de entrar no livro pra socar o Hardin. Nesse quarto livro, por incrível que pareça isso foi bem sutil, não que eu não tenha sentido vontade, mas foi bem mais tranquilo e eu confesso, no final eu cheguei