Resenhas

quarta-feira, 11 de maio de 2016

:: Resenha 169 :: "Os reis do Bourbon", J.R. Ward


Sinopse: Por gerações, a família Bradford foi coroada como magnata da capital mundial da produção de bourbon, no Estado norte-americano de Kentucky. A fortuna permanente lhes proporcionou prestígio e privilégios — bem como a divisão de classes, conseguida a duras penas, na vasta propriedade familiar, a Easterly. No topo dela, há uma dinastia que, para todos os efeitos, joga de acordo com as regras da boa sorte e do bom gosto. Na base, os empregados que trabalham sem parar para manter impecável a fachada dos Bradford. E nunca os dois lados deverão se encontrar.
 Para Lizzie King, a jardineira-chefe, cruzar essa fronteira quase arruinou sua vida. Apaixonar-se por Tulane, o filho pródigo da dinastia do bourbon, não foi o que pretendia, nem o que desejava, e o rompimento amargo só provou que seus instintos estavam certos. Agora, após dois anos de afastamento, Tulane finalmente retorna para casa, e traz consigo o passado. Ninguém sairá ileso: nem a bela e insensível esposa de Tulane; nem seu irmão mais velho, cuja amargura e rancor desconhecem limites; tampouco e especialmente o patriarca, um homem de pouca moral, ainda menos escrúpulos e muitos, muitos segredos terríveis.
Enquanto as tensões familiares — profissionais e particulares — florescem, Easterly e todos os seus habitantes serão lançados nos domínios de uma transformação irrevogável, e somente os fortes sobreviverão.

Ok...Vamos lá!



Esse é o primeiro livro que recebi de cortesia da nossa nova parceira: Universo dos Livros. E para quem não sabe, J.R. Ward é uma das minhas autoras favoritas, então conseguem imaginar o quanto eu fiquei empolgada quando o livro chegou? Bom... para quem não conseguiu visualizar a cena, eu vou tentar mostrar usando esse gif aqui:

Oh Meu Deus! Olha isso! Mais um da Ward...

Então, depois do pequeno surto de felicidade, fiz o que tinha que fazer e corri para pegar o livro para ler. E a sensação de quando eu comecei a história, foi estar no mundo Dallas, sério! Hahahaha. Para quem não conhece, Dallas é um seriado antigo e de muito sucesso nos USA onde a história centra-se à volta de uma grande e rica família do Texas, os Ewing, donos da empresa privada de petróleo. Já a parada desse livro aqui é em relação a essa família do sul definidos pela riqueza e privilégios comprometidos por segredos, enganos e escândalos. Logo, posso dizer que é parecido com o seriado sim hahahaha e só vamos trocar o petróleo para o whisky.

Mas antes de tudo, eu vou ter que dar uma dica, tipo importante mesmo. E a dica será para vocês terem paciência, pois no começo vocês vão ter quase um mestrado de como é uma destilaria de sucesso. Praticamente vocês vão aprender a como fazer um bom whisky hahahaha.

Confesso que até achei que a Ward tinha perdido a mão nesse livro, mas eu entendi que por ser uma nova série e outro estilo e tal, ela quis explicar a parada toda para não ter erro. Mesmo eu achando que algumas coisas foram desnecessárias e repetitivas. Enfim... Passado esse começo, a história começa e você vai querendo saber mais e mais dos destinos dos personagens. E é nessa hora que você vê a narrativa da Ward fluindo, e o dom dela em fazer com que nos envolvêssemos na história sem perceber o tempo passar. 

O livro vai ter um casal principal, mas não vai ser só sobre eles a história. Aqui vamos conhecer os quatros filhos de William Baldwine, o patriarca mais terrível e escroto que conheci, e da matriarca, a dopada e inútil Virginia Elizabeth Bradford Baldwine. Sendo assim, como estava falando antes, esse “belo” casal de exemplos teve quatros filhos.

Edward o mais velho, austero e inteligente, Max o encrenqueiro, Tulane (que todos chamam de Lane) o filho pródigo e Gin a caçula, ocupando o segundo lugar na recalcitrante escala Richter. Apresentado a família, vamos ter outros personagens que são importantes também como: Lizzie o amor da vida de Lane, uma garota que sempre se virou sozinha e trabalha para a família há um tempo como jardineira chefe. Vamos ter o melhor amigo de Lane, o advogado Samuel T. (um dos meus personagens preferidos) e o amor da vida de Gin. Eles tem um relacionamento bem louco onde o orgulho às vezes fala mais alto, mas que dá para ver o quanto se gostam, sem contar que as cenas deles são as melhores, mesmo com todo o drama envolvido. Chantal, a vaca da esposa de Lane, uma parada difícil de engolir e que tá dificultando o divórcio entre os dois e a Aurora, a cozinheira da família, que praticamente acabou criando eles. Também vamos conhecer mais alguns outros personagens, durante as circunstâncias dos momentos e posso dizer que uma das coisas que gostei muito nesse livro, foi a oportunidade dos outros personagens nessa história. Aqui eles não ficam apenas como figurantes ou até como coadjuvantes, pelo contrário, eles fazem a história ser muito mais interessantes, porque além do drama do casal principal, vamos conhecer e acompanhar os momentos deles em determinadas situações que nos deixam com aquele gostinho de: preciso continuar a história para ver como isso vai acabar!

  Sério que aconteceu isso?

Os reis do Bourbon é uma história cheia de mistério, escândalos, egos inflados, facadas nas costas e barracos hahahaha sim... típicos daqueles de ricos em novelas mexicanas, sabe? Então... não nego que gosto dessas cenas, das tais verdades jogadas na cara, dos dramas envolvidos através dos barracos hahahaha, é muito bom! 

Me julguem.. 

Enfim... eu não posso e não quero contar muito para não estragar. A melhor forma para ler esse livro foi como eu fiz, não sabendo nada. Pois é bem mais legal descobrir as tretas conforme vai lendo. Até porque você vai sentir vontade de roer as unhas, você vai chorar, vai rir, vai querer bater em alguns personagens, vai ter certeza que a dona Ward é uma sádica em alguns momentos, cara... tem umas paradas com alguns personagens que você se pergunta porque tanta desgraça para uma pessoa só! Só que nesse momento você vai lembrar que tá lendo um livro da Ward, então é só torcer para que você chegue no final com o seu coração bipolar inteiro. 

Se você leu a sinopse vai saber um pouco do drama do casal, mas não se enganem coleguinhas, pois titia Grá alerta que tem muito caroço nesse angu. Vai por mim!


Pelo que li num site gringo, a NBC comprou os direitos de adaptação do livro para ser transformado em uma série de televisão, Sendo assim, é esperar para ver quando vai ser lançado, mas se você quiser conferir a notícia é só clicar aqui

Já o segundo livro da série, The Angel’s Share, vai ser lançado em julho desse ano, mas no Brasil ainda não tem data definida. Então é torcer para a Universo dos Livros trazer ele logo para cá, pois estou bem ansiosa para continuar essa saga. 



Essas são as duas capas gringas, para o segundo volume. Agora nos resta saber qual vai ser a capa brasileira. 

Então é isso coleguinhas, titia Grá recomenda esse primeiro livro dessa nova série que ainda vai dar muito o que falar. Espero mesmo que vocês tenham a oportunidade de conferir.


Título: Os reis de Bourbon.
Título Original: The Bourbon Kings
Série: The Bourbon Kings, volume 1
Autora: J.R. Ward
Gênero: Romance/Drama
ISBN-13: 9788579309731
ISBN-10: 8579309735
Ano: 2016
Páginas: 304
Compre aqui: Fnac
Classificação:


Sobre a autora:


J.R. Ward mora no sul dos Estados Unidos com o marido, um grande leitor que a apoia em todas as situações, e seu amado golden retriever. A escritora é formada em Direito e, no início da carreira, trabalhou na área hospitalar em Boston, passando anos no cargo de diretora-geral de um dos principais centros médicos acadêmicos do país.

Comente com o Facebook:

20 comentários:

  1. Preciso ler esse livro da mahmen Ward!!! **__**

    ResponderExcluir
  2. Tenho que confessar, adorei o livro, ele te animou de um jeito surpreentende. E acredito que a leitura seja ótima.
    Gostei muito do título, a Universo acertou em cheio

    ResponderExcluir
  3. Oiii, eu não conhecia esse livro, e nem a autora mas gostei bastante da premissa, e com certeza irei colocar na lista esse livro, pois adorei mesmo.
    <3

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Karine, o vício que adquirimos ao ler Ward começa no Amante Sombrio. Depois q vc conhecer a Irmandade,dificilmente vai deixá-la.
      Boa leitura

      Excluir
  4. Oi Grazi! Eu não conhecia essa nova série dela e já fiquei curiosa pra ler. Adoro livros em que vários personagens fazem a história e mesmo sendo secundários, são importantes. Também adoro dramas familiares! Pela descrição que você deu da família tive a sensação de ser uma história mais adulta, com personagens adultos e isso me incentivou muito. Vou dar uma chance em breve. Não li nada dessa autora até hoje, foi bom saber que o começo é cansativo, assim não desisto haha.
    Beijão, Mari

    ResponderExcluir
  5. Quando a Universo dos Livros anunciou o lançamento desse livro fiquei tipo... nossa! preciso muito!... também sou fã de carteirinha da Ward. E que capa linda ♥ Quero muito ler e descobrir todos esses caroços no angu que vc citou..

    Raíssa Nantes

    ResponderExcluir
  6. Eu acho que a J.R. Ward tem cara de louca kkkkkkkkkk Vc pode não acreditar, mas nunca li NADINHA dela :( Mas isso vai mudar pode acreditar :D

    ResponderExcluir
  7. Tenho que te confessar que realmente este livro não despertou meu interesse de nenhuma maneira, por mais que nunca tenha lido algo dela.
    Beijão

    ResponderExcluir
  8. Olha, já ouvi falar dessa autora mas até então nunca havia me interessado em ler nada dela. Mas sua resenha me chamou um cadinho a atenção. E parabéns, porque não gostei do plot, mas a maneira como você escreveu me deixou curiosa. Quem sabem mais pra frente eu acrescente ele nas minhas leituras.

    ;D
    Nelmaliana Oliveira

    ResponderExcluir
  9. Li um livro da autora e, ao contrário de você, não curti a escrita dela. E me interessei menos ainda por esse livro porque não tenho nenhuma vontade de ter praticamente um mestrado em destilaria de sucesso... rs... Mas achei legal os personagens secundários fazerem diferença na história, e fico feliz que tenha gostado.

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  10. Oie!
    Eu li esse livro essa semana, e não imagina todas as tramas que a autora colocaria na história. Confesso que imaginava que cada volume seria de um irmão, e me enganei totalmente. Nãao que isso seja ruim, eu gostei muito da forma como ela conduziu a história. Muito bom!
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  11. Oi..
    Eu nem conhecia o livro ainda..
    Mas já pirei aqui. ai ai meu bolso.
    bjs

    ResponderExcluir
  12. olhaaaa

    que resenha!!!! nossa!!!

    adoro resenhas divertidas assim!

    já tinha visto essa capa por aí, mas não havia lido nenhuma resena!

    Facadas???? fiquei beeeem curiosa!!!

    bjs

    ResponderExcluir
  13. Olá Grazi!!!
    Primeiro que resenha incrível :O
    Segundo que capa maravilhosa *-*
    E terceiro nossa que sinopse essa =D
    Posso dizer que fiquei mega-ultra ansiosa para conhecer esse livro e que parece que a história proete muito :3
    Você me deixou mega-ultra curiosa para ver esse livro e espero realmente que saia a série *-*

    lereliterario.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Oie
    muito legal sua resenha e que bom que curtiu tanto a leitura, não é algo que aprecio mas o enredo está bem chamativo e diferente, vou ver se indico a alguns amigos

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Oi Gra!!!
    Gostei da resenha e dos gifs!!! Ainda não li nada dessa mulher que vcs adoram rsrs, mas essa série eu curti! Só me fala uma coisa.. Com tanta treta acontecendo, o livro termina tenso ou o coração se acalma até o próximo lançamento? rsrsrs
    PS: Tb adoro barracos em livros kkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  16. Não conhecia o livro, mas parece muito bom, a premissa é ótima. Bacana que vai virar série para TV, eu adoro séries. Mas vou ver se leio antes disso. Dica super anotada.

    Tatiana

    ResponderExcluir
  17. Olá Graziela, tudo bem?

    “Os Reis de Bourbon” me dividiu bastante. Ao mesmo tempo em que aparenta ser uma história sobre um romance proibido, também me parece um bom drama familiar com várias intrigas e planos para um se dar melhor que o outro. Irei pesquisar um pouco mais sobre pra poder tirar todas as minhas dúvidas!

    Beijos,
    Gabriel Albuquerque

    ResponderExcluir
  18. Grá, vc tem q por PRESSÃO pra esse 2 sair logo!!
    #roendoasunhas

    ResponderExcluir
  19. Resenha incrível!
    Eu já li o livro e é exatamente isso! A Ward se supera. A maneira como ela nos apresenta esse novo universo e toda a história é muito interessante e me cativou. Ao terminei o livro e fiquei ansiosa pra saber o que vai acontecer com todos esses personagens intrigantes.
    Graziela, você sabe dizer se a Universo dos livros pretende continuar publicando essa série?

    Obrigada por esse blog lindo! #Sucesso

    ResponderExcluir