Resenhas

segunda-feira, 26 de junho de 2017

:: Resenha 301 :: "Casada até Quarta", Catherine Bybee




Sinopse: O contrato de casamento deles previa tudo.. menos se apaixonar.
O primeiro livro da série Noivas da Semana.
Blake Harrison: rico, nobre, charmoso... e precisando de uma esposa até quarta-feira. Para isso, Blake recorre a Sam Elliot, que não é o homem de negócios que ele esperava. Em vez disso, ele encontra Samantha Elliot, linda e exuberante, com a voz mais sexy que ele já ouviu.
Samantha Elliot: dona da agência de casamentos Alliance, ela não está no menu de pretendentes... até Blake lhe oferecer milhões de dólares por um contrato de um ano. Não há nada de indecente na proposta dele, e além disso o dinheiro vai ser muito útil para quitar as contas médicas da família dela. Samantha só precisa disfarçar a atração que sente por seu novo marido e evitar a todo custo a cama dele. 
Mas os beijos ardentes de Blake e seu charme inegável se provam muito difíceis de resistir. Era um contrato de casamento que previa tudo... menos se apaixonar. Agora só resta a Samantha proteger seu coração até que o contrato chegue ao fim.



Oi, amores. Vamos falar hoje sobre um livro bem gostosinho de ler, que fez meus olhos crescerem de vontade lá no Mochilão da Record (é minha gente, eu saí de casa e fui em um evento) e que acabei recebendo da Record com um kit super legal.
Casada até Quarta, é uma série de 7 livros, bem curtinhos, como bem falado lá no evento, ótimo para quem ficou órfão da Garota do Calendário, mas que eu acabei achando melhor que o Garota! Sabe aqueles fins de semana que você está cheio de trabalho, precisando descansar, relaxar, mas não pode se comprometer com um livro muito grande ou muito complexo? Este aí é o livro para esses casos!
Em Casada até Quarta, vamos conhecer a Samantha Elliot, dona de uma agência de casamentos especializada em casamentos de conveniência, isso mesmo que vocês entenderam. Precisa de uma esposa por tempo limitado e sem envolvimento de sexo? Então é só ir na Alliance que a Sam Elliot vai te ajudar a encontrar a mulher ideal para você e depois de um tempo, rola a separação, sem escândalo e claro, tudo isso por um bom preço. Ela assina como Sam, o que gera a confusão ao conhecer o duque Blake Harrison.

Dependia de Sam Eliot encontrar-lhe uma esposa antes do fim de semana, para que ele pudesse ficar com a casa ancestral que acompanhava seu título - isso para não mencionar o restante da fortuna de seu pai.

Sim, um duque e isso não é livro de época! Acontece que Blake é um duque inglês, mas só se casar, já que o seu pai, ao morrer, deixou estipulado em seu testamento que para receber o dinheiro e a propriedade, Blake precisa se estabelecer na vida. Mesmo ele já sendo rico, Blake quer a herança para que a mãe e a irmã não fiquem desamparadas, o problema é que ele tem um ano para casar, ou o dinheiro vai para um primo, caridade e para os advogados. Ele então contrata um tal de Sam Elliot para arranjar uma esposa por tempo limitado, mas dá de cara com a Samantha, e quando os dois conversam, percebem que são muito parecidos entre si e quem melhor do que a própria Sam para entrar no papel de esposa? 

A menos que Blake tivesse algum problema com mulheres bonitas, ela arrumaria uma esposa para ele até quarta-feira. E ainda era segunda.

O livro é bem fininho e mesmo assim tem viradas muito boas e inesperadas, deixando a leitura das quase 200 páginas bem gostosa. Tem todos os elementos chaves para um bom romance, protagonistas com passado complicado, mocinha decidida, vilanias frias e muita paixão bem quente, afinal, isso é um romance, e a gente fica contando as horas para os protagonistas assumirem que é amor. E nem pense que pela história ser curta a escrita da autora não surpreende, é preciso ter talento para conduzir uma trama com as medidas certas de agilidade, desenvolvimento e que faça a nós, leitores, torcermos para os personagens, e tudo isso acontece em Casada até Quarta. Vale um anexo, durante o Mochilão se comparou muito essa série com a Garota do Calendário, mas é preciso apontar algumas diferenças. 

Era errado romantizar o que estava acontecendo entre eles, estavam apenas mantendo relações sexuais mutualmente satisfatórias, e só por acaso eram casados. Nada de mais.

Em Garota acompanhamos a vida da Mia em 12 meses e quem quiser saber mais, pode ler minha resenha de Janeiro. Já em Noivas da Semana, cada livro é sobre um casal e apesar deles se conhecerem, de estarem todos em um mesmo universo, eles não precisam ser lidos em ordem (se bem que vamos ler em ordem, porque temos manias!). Se fosse para comparar os dois, eu diria que Noivas é melhor que Garota, justamente pelo livro ser mais fechadinho, e olha que eu adorei Garota! Enfim… Vale a pena investir em uma série de 7 livros? Sim, se você gosta de romances rápidos, apimentados, uma escrita que envolve o leitor e personagens sem traumas mirabolantes e um vilão frio! Ou seja, vale muito a pena!

Anos de contos de fadas da Disney eram difíceis de combater, e, combinados com a beleza de Herrison, as mulheres teriam que ser cegas para não querer mais dele do que seu dinheiro ou seu título. 

Nome: Casada até Quarta
Série: Noivas da Semana #1
Autora: Catherine Bybee
ISBN-13: 9788576865933
ISBN-10: 8576865939
Ano: 2017
Páginas: 196
Editora: Verus
Compre aqui: Amazon
Classificação:

Sobre a autora:

Catherine Bybee foi criada em Washington, nos Estador Unidos. Depois de se formar no ensino médio, mudou para o sul da Califórnia na esperança de se tornar atriz. Após se entediar de tanto trabalhar como garçonete, voltou a estudar e obteve o diploma de enfermeira, tendo passado a maior parte da sua carreira trabalhando no pronto-socorro. Atualmente ela é escritora em tempo integral e mora com o marido e os dois filhos adolescentes no sul da Califórnia.

Comente com o Facebook:

7 comentários:

  1. Achei essa capa linda, e desde que eu vi pela primeira vez já chamou a minha atenção e a sinopse já me conquistou a ler.
    É uma pena que seja pequeno,mas saber que ainda assim tem reviravoltas me fez querer ler ainda mais, muito obrigado pela dica, eu com certeza irei ler.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Oi Talita, ainda não me interessei pela série Garota do Calendário, mas tenho achado essa bem interessante e fora o fato de que a série Garota segue meses do ano e aqui dias da semana nos títulos, parecem diferentes e isso pra mim é bom. Gosto que a história é fechada e que cada livro vai contar a história de um casal e as capas estão lindas e mesmo as histórias sendo curtas, achei que tivessem mais que 200 páginas, parecem cativantes, com romances fofos, do jeito que curto :)

    ResponderExcluir
  4. Faz pouco tempo que li Casada até Quarta e adorei !!
    É tão fofíneo e lindo ♡♡
    Ainda não li a continuação mas sei que incrível !!
    Bjos

    ResponderExcluir
  5. Olá,
    Que livrinho fofo, realmente fiquei pensando em Garotas quando li pelo título, no momento só tenho o primeiro livro de Garotas mas não li. Esse livro tem essa mesma dinâmica mas diferente e bem curto, a trama é bem envolvida, com certeza haverá um romance por trás disso tudo.

    ResponderExcluir
  6. Olá Tali!!!
    Amei a resenha e quero dizer q tô louca pra ter essa série... Me apaixonei por essas capas <3 e mesmo com "TOC", por elas não serem na sequência certa da semana, já quero sim e com certeza ;-) Kkkkkkkkk
    Ainda não li A Garota do Calendário, pq quero ter todos pra começar e me faltam 3 (bem do meio do ano), mas assim q completar vou devorá-los kkkkkkk
    Quem sabe já terei essa série de Casamentos tb <3 ... daí já me farto, de um montão de livros ótimos ;-)
    Bjs :-*

    ResponderExcluir
  7. Opa!! Adoro essas farsas que acabam em romances de verdade. É aquele clichê que a gente se amarra, rsrs.
    Eu vou fazer com essa série o que não fiz com A Garota do Calendário. Vou esperar sair tudo pra ler de uma vez e ainda ver a possibilidade de um box, kkkkkkkk.

    ResponderExcluir