Resenhas

quarta-feira, 14 de março de 2018

[#SaveSeaBreeze] E ai você já comprou a sua passagem só de ida para Sea Breeze?


Oi amores, vamos conversar aqui um pouco sobre essa série maravilinda chamada Sea Breeze
Eu vou ser honesta com vocês, eu amo tanto essa série que essa conversa vai ser totalmente parcial, lateral e tendenciosa com o único objetivo de convencer você, sim, você, a comprar Sem Fôlego assim que terminar de conhecer essa série linda, apaixonante e muito solar da diva Abbi Glines! Aliás, se é para falar que o negócio aqui é bom, basta dizer quem é a autora, né não?


Hoje é dia de Abbi - diva - Glines aqui no Viciados, bebê! 

E já que estamos fazendo a linha super sinceros, vou abrir o coração aqui e falar como eu conheci a série Sea Breeze. Há muito tempo, antes de existir o blog Viciados em Leitura, só tínhamos o grupo no Facebook e eu conheci, por meio a outros grupos, a série Rosemary Beach. Isso tem tanto tempo que o livro ainda nem existia no Brasil e não vamos ser inocentes a ponto de não imaginar como se deu esse meu primeiro contato. Se vocês conhecem a musa Glines, sabem que Paixão Sem Limites é um livrão daqueles e óbvio que fiquei apaixonada pela escrita, pela história, pelos personagens (estamos falando de Rush, quem pode me culpar?) e eu tomei de meta devorar tudo que existia dessa mulher! 

Como eu disse antes, isso tem muito tempo, ou seja, ela ainda estava escrevendo a série Rosemary Beach e eu já começava a desenvolver meus problemas com os arquivos ilegais… Solução? Comecei a ler Abbi em inglês, coisa que recomendo para você que quer aprender a ler nessa língua onde tem muitos livros ótimos que talvez nunca cheguem ao Brasil. Como a escrita da Abbi te envolve e não é complicada, a simplicidade dela ajuda muito a você não estranhar o novo idioma e até mesmo a pegar alguns vícios de linguagens típicos deles. Voltando ao assunto, eu queria ler mais Abbi e apesar dela ser uma máquina e lançar vários livros por ano, ainda não era suficiente e eu comecei a buscar outras séries dela e esbarrei em Breathe, que vocês conhecem desde janeiro como Sem Fôlego, e cara, foi amor a primeira vista… ou a primeira leitura! 



Mas vamos combinar, como não amar? Me ajuda aqui, colega, e concorde comigo que não tem como não amar uma série dessas com casais fofos, personagens que você facilmente simpatiza e torce, aquela rede de amigos que você respeita, tretas românticas das boas e tudo isso em um cenário de puro luxo e ostentação que é Sea Breeze! E para dar um bônus: bad boys roqueiros! Quer outra vantagem? O tempo evolui de verdade nessa série, não existe nada que me irrite mais do que aquelas séries que todos os livros parecem acontecer ao mesmo tempo. Em Sea Breeze o tempo passa e entre o livro 1 e o livro 9 tem uma evolução natural de 5 anos e sem saltos no tempo, ou seja, cada livro acontece no seu tempo, os personagens se apaixonam no seu tempo… E, desculpa, esqueci de mencionar, cada livro é sobre um casal com começo, meio e fim e não existe gancho! 

Tudo bem, se você leu Sem Fôlego e for falar que ele não é tão bom quanto Paixão sem Limites, eu vou te dar razão, ele não é, porém, e eu vou pedir aqui que vocês acreditem na minha palavra porque eu nunca levei vocês para uma furada, Sea Breeze é melhor que Rosemary Beach


"Mas Talita, tem um monte de resenha falando que o livro é ruim, que a Abbi decepcionou, que não, ele é péssimo, que o Jax é imaturo, que a Sadie é irreal e deixa a mãe abusar dela, que isso não existe e blá blá blá!"


Eu sei, eu li essas resenhas, mas deixa a tia te explicar uma coisa, pequeno gafanhoto. Se você fizer uma rápida pesquisa no Tio Google e entrar na página de Breathe lá no Goodreads, você vai encontrar a data de publicação original desse livro: 16 de maio de 2011. E daí? E daí que Fallen Too Far, nome original de Paixão Sem Limites, é de 14 de dezembro de 2012. Ou seja, existe uma diferença de mais de 1 ano e meio entre os dois livros e nesse meio tempo, a Abbi melhorou muito a sua escrita. De fato, Sem Fôlego tem duas versão, uma delas sem o POV (ponto de vista) do Jax, que foi o primeiro que ela escreveu, e um com o POV dele e várias outras mudanças que já mostram evolução, incluindo o fato dele ser o único YA dentro dessa série, ou seja, a própria Abbi percebeu que Sea Breeze tem mais cara de NA e isso mudou bastante a dinâmica da série. 

Não estou falando nenhuma novidade para vocês ao afirmar que recebemos muitas séries anos depois de seus lançamentos originais e com ordens trocadas. Já aconteceu de livros de uma mesma série terem a ordem trocada quando fizeram a viagem EUA – Brasil. Então temos em Sem Fôlego um dos primeiros livros que a Abbi escreveu na vida e mesmo assim já dá para ver muito potencial nessa escritora que hoje é um fenômeno de vendas. Não precisa nem ir muito longe, o segundo livro, Sem Escolha já é sensacional e vou nem falar sobre o livro três que chegou a ser cotado para virar filme!

Ainda tenho esperanças que esse projeto um dia saíra do papel!
Talvez, para você ou outras pessoas, nada disso importe na hora de ler um livro, talvez o contexto não interfira no seu julgamento, mas no meu sim e conhecendo a série como eu conheço, eu li todos os livros quando eles lançavam nos Estados Unidos, deu para ver não só a evolução da Abbi, mas o surgimento de uma série excelente e eu vou repetir o que afirmei lá no começo, se fosse para escolher uma das duas séries eu escolheria Sea Breeze! Talvez vocês estão ai e pensando que a minha opinião é parcial, bem, eu disse que ele é lá no começo, lembra? Então vem aqui comigo e leia o que outras pessoas falaram de Sem Fôlego.

Listinha do bem, com resenhas de pessoas que confio: para ler a resenha da Anastacia Cabo, do blog Notas Literárias, clique aqui. Se você deseja ver mais uma resenha sobre Sem Fôlego, dá uma passadinha lá no Compulsivamente Literária clicando aqui e confere a opinião da Mari sobre o livro. E se vocês forem nesse link podem ler a resenha do Pitacos Literários, de outra Mari. E claro, se vocês não tiveram a curiosidade de conferir a minha resenha, segue o link para vocês. 

Você quer fatos concretos? Vai nesse link aqui, ele é a página de Sea Breeze no Goodreads, e veja as notas de cada livro. Observe que apenas o primeiro tem nota inferior a 4 estrelas (3,87) e todos os outros têm mais de 4, e os dois últimos (meus favoritos) tem quase 4,5 estrelas cada! Ah, mas em Rosemary Beach todos tem 4 estrelas… De novo, Rosemary foi escrito depois e todo autor melhora com o tempo! Eu melhorei as resenhas com o tempo e de verdade, prefiro ignorar as minhas primeiras resenhas de tão bizarras que elas são. O que não é justo é Sem Fôlego receber uma enxurrada de ódio em forma de resenha, com opiniões cínicas e até mesmo cruéis. Em tempo, livro nenhum merece ser desmerecido assim, por pior que ele seja, respeito e empatia fazem bem e por melhor blogueiro e resenhista que você seja, na real? 

Sabe de nada, Inocente!
Agora que eu já desabafei sobre o que está rolando sobre Sem Fôlego, vamos começar os trabalhos e anunciar que estou abrindo a campanha #SaveSeaBreeze e ao longo das próximas semanas alguns posts vão aparecer aqui no blog e em blogs amigos sobre essa série, estamos bolando trazer para vocês um post oficial real de apresentação de toda a série para vocês, vamos falar sobre Sem Escolha, o próximo lançamento no Brasil (já estamos contando os dias para agosto!), entre outras coisas bem legais e outras mais polêmicas. Aguardem e confiem! De mais, já vou fechar esse post desabafo dizendo para vocês comprarem e lerem Sem Fôlego. Se permitam conhecer essa nova série e lembrem-se que no fim das contas, a única opinião que realmente vale é a sua, então corre aí para ler e vem se jogar no mar de Sea Breeze!

Comente com o Facebook:

6 comentários:

  1. Genteeeee tudo o que eu penso está aqui e ratifico cada vírgula.
    O povo está encrencando com adolescentes. Reclamando que o Jax foi imaturo. Gente ele é um rockstar de 19 anos, se vc era maduro com essa idade e não fez merda parabéns, mas o normal é isso!!!
    Tali adoreiiiii... e já aviso que farei uma postagem também!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E quando alguém fala que a Sadie é irreal porque deixa a mãe dominar ela? Que menina de 17 anos não vai confiar na mãe? Eu tenho 30 e ainda troco várias impressões de vida com a minha! Mas a Sadia, coitada, não pode! Tem que ser mulher adulta e independente com 17 anos -_-
      Estou me coçando para ler a sua postagem!

      Excluir
  2. Olá Tali!!!
    Amei o desabafo e to contigo!!!
    Não sei se o q vou dizer é certo, mas é o q tenho observado, q algumas das resenhas de livros e autoras ótimas, não só sobre "Sem Fôlego", são negativas e vem acontecendo com frequência...Agora a pergunta q não quer calar...essas pessoas estão mesmo lendo direito, os livros q estão resenhando?? Fica aí a dúvida...
    To louca pra conhecer essa Série e nenhuma resenha negativa, vai me impedir, espero q essa seja opinião das outras pessoas tb, principalmente, das q gostarem da escrita da Abbi!!!
    Nesse caso, vamos nos unir sim #SaveSeaBreeze e todas as outras séries Maravilindas ;-)
    Bjs :-*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Van, a sua pergunta é super válida, eu não sei se o pessoal não está lendo direito ou se as pessoas estão em uma onda de não querer gostar de algo que vai agradar o popular. É complicado porque tais coisas colocam em dúvida a honestidade de outros... Mas vamos em frente! Vamos nos unir! #SaveSeaBreeze

      Excluir
  3. Mas gente, não precisei desse post para amar esse livro porque cara, que amor por Sem Fôlego e mal posso esperar pelos próximos.

    ResponderExcluir
  4. Por incrível que pareça eu não sou fã dos livros da abbi glines Eu até tentei ler a série Rosemary Beach mais desistir inclusive esse novo lançamento dela o sem fôlego eu ganhei ele em um sorteio e ele acabou de chegar mas eu acho que vou trocar com algumas amigas

    ResponderExcluir