Resenhas

quarta-feira, 23 de maio de 2018

:: Resenha 413 :: "Desejo Insaciável", Kresley Cole


Sinopse: A lenda de um feroz lobisomem e uma encantadora vampira – improváveis almas gêmeas cuja paixão testará os limites da vida e da morte.
Um incansável guerreiro mítico. Nada o deterá até que possua a...
Depois de suportar anos a fio torturas constantes comandadas pela Horda dos vampiros, Lachlain MacRieve, líder do clã dos Lykae, fica enfurecido ao descobrir que sua parceira, há tanto tempo profetizada e pela qual espera há mais de um milênio, é uma vampira, assim como seus captores. Na verdade, Emmaline Troy é metade Valquíria, metade vampira. Jovem delicada e etérea que, com seu jeito todo especial de ser, é a única que pode suavizar a fúria que incendeia o faminto Lykae.
Uma vampira prisioneira de sua fantasia mais selvagem...
A doce Emmaline decide sair pelo mundo em busca da verdade sobre seus pais desaparecidos. Em Paris, um poderoso espécime Lykae a encontra, determina que ela será a sua parceira por toda a eternidade e a leva para o castelo escocês dos seus ancestrais. Lá, o pavor que Emmaline sente do Lykae – e da sua insaciável fome de prazer – faz com que ele inicie um lento e envolvente jogo de sedução e ela liberte suas mais sombrias fantasias.

Eu já falei algumas vezes aqui no blog e se não me engano, está na nossa biografia, que uma série paranormal foi a responsável por fazer com que o Viciados, quanto grupo, fosse criado! Muitos anos e muitos livros depois, a Irmandade da Adaga Negra segue como minha favorita e uma das poucas sagas de muitos livros que me disponho a seguir religiosamente a cada lançamento. Outras tantas que já foram lançadas por aqui, quando a gente lê que tem 15, 20 livros, bate aquele momento de desespero, aquela dúvida se toda a série será publicada no Brasil. Não foram poucas as canceladas nos últimos meses, portanto, quando vi que a Editora Valentina publicaria a série Imortais da Kresley Cole (que eu conheço de grupos Gringos como IAD – Immortals After Dark) que possui impressionantes... 19 livros ao longo de 12 anos de publicação, confesso que pensei em tentar fugir da tentação, mas vocês me conhecem com tentações: eu não tenho maturidade! Não tenho! Comprei. Comprei mesmo e já comprei o segundo, porque eu não me arrependi! Pode vir com os ouros 17 livros, dona Valentina! E agora vem cá na resenha que vou te falar tudo sobre Desejo Insaciável!

Lobisomens, valquírias, vampiros, fantasmas, fadas e todas as outras tantas criaturas sobrenaturais existem! Pelo menos no mundo criado pela Kresley Cole, e além de existirem, eles vivem entre os humanos e de tantos em tantos anos as raças lutam entre si pelo poder em um evento chamado de Ascensão, e claro que essa luta faz com que as raças sejam inimigas. É de se imaginar que criaturas híbridas sejam raras, e elas são, porém… Conheçam Emmaline ou Emma, uma jovem que é metade valquíria e metade vampira, sendo que é uma das poucas vampiras fêmeas que existem! Emma não conhece muito sobre a sua verdadeira origem, só sabe que a sua mãe era uma valquíria muito linda e querida pelo seu coven (o grupo de valquírias que a Emma carinhosamente chama de tias) e que antes de morrer, pouco depois de Emma nascer, pediu para suas irmãs que não deixassem a filha beber sangue diretamente de uma fonte viva e nunca disse quem é o vampiro que é o pai de Emma.

Quando uma dama-guerreira clama por coragem ao se ver diante da morte numa batalha, Wóden e Freya atendem ao seu chamado. Os dois deuses oferecem relâmpagos para atingi-la, preservando eternamente a sua coragem sob a forma de uma filha Valquíria imortal.

Acontece que Emma foi superprotegida pelas suas tias, em especial pela Annika, a quem ela considera como uma mãe adotiva já que, até onde se sabe, ela pode ser a última fêmea vampira viva e até mesmo por ser uma híbrida, algo raro nesse meio. Sua natureza, graças a essa criação é calma, tímida e até mesmo medrosa, sendo conhecida como Emma, a tímida. De certo modo, ainda nova, (para padrões imortais ter 71 anos é praticamente nada) Emma está cansada da proteção de suas tias e decide finalmente sair de Nova Orleans, onde vive, e vai para Paris, local que ela sabe que a mãe viveu. E vai ser em Paris que a tímida Emma vai encontrar um poderoso Lykae, não qualquer lobisomem… o Rei dos Lykaes!

Você quer isso? Mesmo sabendo quem eu sou? – Sim… preciso de você… exatamente como você é. Por favor, Lachlain! Eu também sinto esse desejo insaciável.

Lachlain MacRieve passou quase 150 anos preso sobre as catacumbas de Paris, sendo queimado até a morte, só para depois renascer e ser morto pelo fogo novamente. Capturado pelo cruel rei dos vampiros, Demestrius, Lachlain só tem duas coisas em sua mente: encontrar sua parceira imortal, aquela que vai ser a sua única, a rainha do seu clã e a única capaz de acalmar a besta que leva dentro de si, e se vingar de Demestrius. Até que um belo dia, o cheiro de uma fêmea chega até ele e em um ato de desespero (superforte e que mostra de forma intensa a força dele), Lachlain consegue se libertar e vai em busca de sua prometida.

Acho que você é a criatura mais esplendorosa que eu já vi em toda a minha vida.

O problema é que ele sente o cheiro da Emma que não é uma Lykae, como ele esperava! E para piorar, depois de passar por uma tortura tão cruel por mais de um século, nosso herói não está bem emocionalmente, fora que está bem deslocado em relação a época e a sua primeira aproximação na Emma é muito desastrosa e ela fica mais aterrorizada que qualquer outra coisa. Será que o destino dos dois é realmente ficarem juntos? Será que eles são realmente parceiros para a eternidade? Será que a forma como tratou Emma fez a relação ir para o espaço antes mesmo de começar? Adivinha só… Tem que ler!

É o fogo dele. No longínquo recesso oculto de sua mente ainda capaz de um pensamento racional, ele acredita nisso. O fogo é dele porque foi ele que o alimentou durante séculos com seu corpo destruído e sua alma decaída.

Eu posso prometer para vocês que não vão se arrepender da leitura! Eu sei que a quantidade de livros da série assusta, eu mesma fiquei balançada com a quantidade, porém, vale a pena sim investir seu tempo nessa jornada. Para um primeiro livro, que geralmente não são os melhores em séries longas, Kresley já conseguiu me cativar com uma trama complexa, com uma quantidade grande de seres a serem explorados, uma trama política sobre a sucessão dos vampiros que incluem reis destronados, plebeus querendo ser reis e exércitos formados em troca de lealdade. Tudo isso com a ameaça de uma guerra entre facções de seres e uma corrida por um talismã. E tudo isso com humor!

Você quer isso? Mesmo sabendo quem eu sou? – Sim… preciso de você… exatamente como você é. Por favor, Lachlain! Eu também sinto esse desejo insaciável.

Sim, no meio de todo esse drama político, essa tensão no ar e torturas e lutas brutais (adorooooo), ainda temos humor, romance, paixão e momentos picantes (adoroooooo #2). A escrita da Kresley simplesmente me levou! Tanto que já comprei o segundo e mais recente lançamento e estou na torcida para a Valentina não lançar um por ano, afinal, a autora ainda está escrevendo livros para a série e não podemos ficar 12 anos atrasados! Senti falta de conhecer melhor o vampiro Wroth e a valquíria Myst, que aparecem nesse livro e pelo que sei, tem sua história contada em um conto que serve para introduzir a série, ou seja, vem antes de Desejo Insaciável, porém, quanto ao universo criado, mesmo faltando um livro que a Valentina não publicou (talvez por ser conto), eu entendi bem como funciona e já quero mais! Acelera a publicação aí, dona Valentina!

Nome: Desejo Insaciável
Série: Série Imortais # 1
Autora: Kresley Cole
ISBN-13: 9788565859844
ISBN-10: 8565859843
Ano: 2016
Páginas: 352
Editora: Valentina
Compre aqui: Amazon
Classificação: 




Sobre a autora:

Kresley Cole formou-se em letras pela Universidade da Flórida e passou dois anos na biblioteca da famosa instituição fazendo pesquisas sobre mitos ancestrais e recolhendo material para seus livros. Desejo Insaciável, o primeiro romance da série Imortais, vencedor do prêmio RITA na categoria Paranormal Romance, foi capa da Romantic Times Magazine.

Comente com o Facebook:

4 comentários:

  1. Oi, Talita.

    Esse diferencial entre o Lachlain e a Emma é algo terrivelmente difícil de lidar, visto que suas espécies são rivais, e isso foi que tornou a relação deles mais louca e intensa. Esse, é mais um exemplo de que os opostos se atraem.

    Li ele já faz um tempo e gostei muito. Não vejo a hora de ler os demais livros da série.

    ResponderExcluir
  2. Esse foi meu voto lá naquela enquete haha e já gostei dessa resenha, tô empacada no sexto livro da série da Ward mas tô bem pensando em começar outra série longa com esse :D :D, e como é longa né?! Mas pela resenha esse primeiro livro parece valer a pena, a Valentina tá arrasando nas capas e eu espero que ela não cancele a série ;)

    ResponderExcluir
  3. Eu não conhecia os livros da autora, mas gostei muito da premissa desse livro. Faz tempo que não leio histórias com seres sobrenaturais, então acho que vou apostar na leitura.
    Mas gente, 19 livros é muita coisaaaa haha
    Mas mesmo assim iria querer colecionar os 19

    beijinhos
    She is a Bookaholic

    ResponderExcluir
  4. Olá Tali!!!
    Adorei a resenha!!!
    Acompanho essa loucura de vcs por IAN e acho muito legal...mas ainda estou receosa com essa porrada de livros, em um gênero q conheço praticamente nada :D e essa agora, vai no mesmo caminho né??...então, acho q vou com calma kkkkkk...Primeiro, quero me acostumar com o gênero e depois me aventurar nessas longas/infinitas séries kkkkkk
    Mas podexá, q tá anotado e será indicado com certeza!!! ;-)
    Bjs :-*

    ResponderExcluir