Pular para o conteúdo principal

[Os personagens mais mal-humorados dos livros]


Eles são mal-humorados, grosseiros e rabugentos, mas simplesmente essenciais em qualquer história.

Nós perguntamos no instagram e no facebook quais os personagens mais mal-humorados que o pessoal conhecia e montamos uma listinha.

Se por acaso algum mala que você conheça tenha ficado de fora, comente e conte pra gente quem é o rabugento.




Heathcliff, O morro dos ventos uivantes, de Emily Brontë
Ele é grosso, truculento e amargurado, tudo devido ao seu nebuloso passado. Ah esse povo que usa os problemas pra ser grosseiro, viu? Tsc! 

Skoob








Sebastian Black, Littler Black Book, de Tabatha Vargo & Melissa Andrea
Um cara que fala: "Meu nome é Sebastian Black e eu quero comprar você" já dá pra dar uma ideia de quanto o sujeito é intragável, né? Mas lógico, um intragável sexy como o diabo!

Skoob







Arturo Bandini, Pergunte ao pó, de John Fante
Filho de imigrantes, Bandini é um jovem pretenso a escritor que se sente excluído da sociedade. Só com esse "se sente excluído" você já imagina o tipinho, né?

Skoob







Dom Casmurro, Dom Casmurro, de Machado de Assis
Não vamos discutir aqui quem traiu quem, o lance é que depois que Capitu teve Ezequiel, Bentinho (Dom Casmurro), começa a acha-lo cada vez mais parecido com seu amigo Escobar e é esse ciúme doentio que afasta Bentinho da família, tornando-o casmurro e mal-humorado.

Skoob






Marvin, O guia do mochileiro das galáxias, de Douglas Adams
Você consegue imaginar um robô maníaco depressivo? Pois este é Marvin, um robô que anda sempre depressivo, reclamando da vida.

Skoob








Lady Danbury, Os Bridgertons, de Julia Quinn
A promotora de bailes que conhece a todos e tem o dom de ser sarcástica em suas respostas é a personagem mais mal-humorada, mas Lady Danbury também tem um grande coração.

Skoob







Sr Darcy, Orgulho e Preconceito, de Jane Austen
Por mais mal-humardo e algumas vezes rude, Sr Darcy não perde a elegância e é o rabugento mais encantador da literatura.









Will Traynor, Como eu era antes de você, de Jojo Moyes
A gente até entende a amargura e a tristeza de alguém tão ativo, parar numa cadeira de rodas dependendo de um monte de gente, mas a cada grosseria que Will faz, você tem vontade de olhar feio e brigar com ele. Mesmo assim, Will, assim com o Sr Darcy, conquista o seu coração.

Comentários

  1. Heathcliff é bem horrivel, o cara é quase um monstro, acho que mesmo o passado ruim que ele teve nao justifica o que ele fez com os decendentes de seus inimigos, outro que é pessimo e ao mesmo tempo eu ri com ele foi o Arturo bandini, o cara é bem arrogante mesmo gostando da moça, da lista de cima os unico que eu nao conheço é Will Traynor, Marvin e Sebastian Black. o resto eu conheço todos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Emanoelle! Eu não conheço o Heathcliff , mas fiquei curiosa pq quando perguntei pro pessoal quem era o personagem mais mal-humorado, muita gente falou dele e eu tive de procurar sobre o livro e sobre ele pra poder fazer o post, daí só aumentou a curiosidade. Mas em breve eu vou conhece-lo, pois será o próximo livro viajante de um grupo que eu faço parte. Aí eu vou saber realmente o quão intragável ele é hahaha.

      Excluir
  2. Concordo com você Bianca em quase todos. Para mim Heathcliff é o pior de todos, porque além de mal humorado ele tem uma certeza maldade, que se justifica um pouco pelo passado dele.
    Quanto a Will Traynor, acho que a condição dele acaba justificando o seu mal humor, mas depois, no decorrer do livro, você acaba gostando dele e percebe que ele nem é tão mal humorado assim (sou muito suspeita para falar, porque adoro esse livro demais).
    Já o Sr. Darcy, mesmo sendo ranzinza, acho ele adorável, e como toda boa fã de jane Austen, sou encantada com ele. Queria um Sr. Darcy daqueles na minha vida, rsrs.

    ResponderExcluir
  3. Heathcliff shsiuqidegwhhoeu
    bem mal e chato
    mas tem um pq
    pelo menos isso
    se é que conta
    conta?
    sla shsushsushsu

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

:: Resenha 153 :: “After 3 – Depois do Desencontro”, Anna Todd

O k, vai ter spoiler sim e se reclamar vai ter mais! Brincadeeeeeeiraa!!! =P É que assim, vamos combinar? Resenha do terceiro livro onde acontece coisa pra diabo, não tem como, vai rolar uns spoilerszinhos de leve, então fique avisado, certo? Se quiser seguir, siga, se não quiser, comenta assim mesmo hahahaha. Bom, parece que todo livro dessa mulher termina com uma bomba. O segundo terminou com a Tessa guardando um segredinho básico do Hardin, lembra que eu até comentei na resenha ? Então, além disso, terminou com ela dando de cara com o pai e é assim que este terceiro livro começa. Confesso que antes de começar, ao ler a contracapa que diz... Sinopse: Tessa passa pelo momento mais difícil de sua vida. Enquanto luta para crescer na carreira com a qual sempre sonhou, seu mundo é virado de ponta-cabeça: a inesperada aparição de seu pai e uma traição imperdoável a deixam mais fragilizada do que nunca. Hardin — com seus beijos viciantes, seu toque incendiário e seu ch

:: Resenha 181 :: "After 5 - Depois da Promessa", Anna Todd

Sinopse: Bem quando Hardin acreditava já ter enfrentado todos os fantasmas de seu passado, um terrível segredo sobre seus pais é revelado, despertando os seus piores demônios internos. Tessa sabe que só ela tem o poder de aliviar todos os sentimentos de raiva, traição e confusão que afligem seu amado badboy. Só ela sabe como salvá-lo de seu ciclo autodestrutivo. Mas dessa vez ela não pode. Porque, quando menos espera, sua vida é para sempre alterada por uma tragédia. Hardin e Tessa prometem lutar com todas as suas forças para que o destino não os separe para sempre. Mas o que acontecerá quando suas forças chegarem ao fim? Depois da promessa... qual será o desfecho dessa história? G ente... *pausa dramática*... Eu sobrevivi à série After ... "É isso aí, garota!!!" (Crika e Mari, do Grupo de Apoio After, representadas pelas lindas Meryl Streep e J.Lo)

:: Resenha 168 :: “After 4 – Depois da esperança”, Anna Todd

Sinopse: Depois de tantos obstáculos, Tessa e Hardin estão, enfim, mais maduros como casal. As dificuldades causadas pelo gênio forte dele e pela impulsividade dela ainda existem, mas eles já não conseguem negar o amor que sentem um pelo outro. Mesmo morando em cidades diferentes, estão mais apaixonados do que nunca. Se a química entre os dois já era explosiva antes, agora que eles se entregaram de vez a essa paixão, cada encontro será mais ardente do que o anterior. Mas uma cruel reviravolta do destino trará à tona todos os fantasmas do passado de Hardin. Depois da esperança, haverá forças para enfrentar mais dificuldades? Q uem acompanha as minhas resenhas de After, sabe que eu sofro lendo esses livros, sabe que surto querendo jogar ele na parede ou que eu morro de vontade de entrar no livro pra socar o Hardin. Nesse quarto livro, por incrível que pareça isso foi bem sutil, não que eu não tenha sentido vontade, mas foi bem mais tranquilo e eu confesso, no final eu cheguei