Pular para o conteúdo principal

:: Resenha 226 :: "Doce Mentira", Kendall Ryan





Sinopse: Até onde você iria por alguém que ama?

Sophie Evans está contra a parede. Com a vida de sua irmã por um fio, sua única escolha é ser forte e cuidar de sua família, mesmo que isso signifique vender sua virgindade pelo preço mais alto em um clube erótico exclusivo. Quando Colton Drake a leva para casa, Sophie logo percebe que nada é o que parece ser ao lado desse homem lindo e problemático. Estar com ele traz desafios que ela não esperava encontrar e faz com que deseje coisas que jamais imaginou. Juntos, Colton e Sophie embarcarão em uma viagem de novas sensações e sentimentos, descobrindo que o destino sempre dita as regras e que o prazer pode ser a ruína de um mau jogador.



Olá, pessoal!!
Hoje trago para vocês a resenha de um livro que me surpreendeu positivamente. Ao ler a sinopse, pensei que fosse mais um daqueles livros mocinha inocente se apaixona por bilionário e blá, blá, blá. Mas quão foi minha surpresa ao me deparar com essa historia que me prendeu do início ao fim. Vamos lá.




  Sophie Evans, é uma garota de 21 anos, que não possui amigos e abdicou toda a sua vida para viver em função da sua irmã gêmea que é doente. Ao se ver sem saída para poder ajudar a irmã em um novo tratamento que custa muito caro, e sua família não ter condições algumas de pagar, ela vai procurar empregos na internet e se depara com uma boate de strip-tease. O dono ao ver que ela não leva jeito algum para a coisa, resolve ajuda-la avisando que naquele local teria um leilão de escravas sexuais, e ela poderá ganhar um bom dinheiro já que ela é virgem. Sophie então, aceita a proposta, e resolve leiloar sua virgindade e ser escrava de alguém pelos próximos 6 meses.

"Ele é atraente, bonito e inteligente. Não tem nada nele, pelo menos fisicamente, de que eu não goste. Mas ele me comprou, pelo amor de Deus. Eu devia sentir repulsa, e não tesão. Não devia me sentir nem um pouquinho atraída."

  Colton Drake é um lindo bilionário workaholic. Por sofrer uma decepção amorosa no passado e se sentindo muito sozinho, mas não querendo compromissos com ninguém, resolve comprar uma escrava para lhe satisfazer e fazer companhia. Ao comprar Sophie e pagar uma fortuna nela por impulso, ele logo se arrepende por não saber o que fazer com aquela linda e inocente virgem. Mas ele vê algo a mais nela, e logo se encanta e vê que Sophie não é nada ingênua ou chata, é uma mulher forte e decidida e que vai transformar sua vida.

" Talvez eu não devesse ter sido tão curiosa porque agora, enquanto ele me leva ainda mais para dentro da casa, todos os meus medos voltam à tona. Será que ele tem algum quarto estranho para fazer sexo, como o quarto vermelho da dor do Christian Grey?"

  Ao ler a orelha do livro, de início, pensei que o Colton era um dominador, sádico, ou algo assim. Mas me surpreendi, não tem nada de perverso e malicioso nele. É um homem que vai se demonstrar carinhoso, paciente e muito amável. Sophie e Colton vão se aproximar, se conhecer e daí vai surgir um romance fofo. 



  Eu me apaixonei pelo Colton, gente. Além de lindo, é romântico, cuida bem dela e é muito controlado. Ele possui algumas pendências com o seu passado, no qual transformou sua vida, mas ele é muito fechado quanto a isso. Desde o início, Sophie sabe que tem algo errado e isso se estende por todo o livro. Sophie se sente muito confusa ao lado dele, sabe que é errado sentir algo por um homem que a comprou, mas não consegue negar a atração e o sentimento que tem por ele.

"Minha vida nos últimos anos tem sido uma lição de ordem e autocontrole. Trabalhei duro e passei longas horas na academia, mas não vivi de verdade. A Sophie despertou um lado diferente meu. Só o fato de ela se enrolar em volta de mim à noite já me acalma, já me faz lembrar que a vida não era para passar em branco. Havia coisas que valiam a pena. Eu queria mais daquilo."

 Doce Mentira é um livro bem hot. É o livro 1 da série Filthy. Ele é bem previsível, mas adoro livros assim. O casal tem uma química incrível. É um livro curto, com letras grandes, o que gostei bastante. A capa é linda, to apaixonada. O final do livro me deu um baita susto, e estou ansiosa para saber a continuação da historia do Colton e da Sophie em Doce Amor. Recomendo muito esta leitura, quem gosta de livros quentes, este é o livro.


Beijos ;*

Título: Doce Mentira 
Autor: Kendall Ryan
ISBN-13: 9788584421237
ISBN-10: 8584421238
Ano: 2016
Páginas: 174
Editora: Pandorga
Compre aqui:  Saraiva | Submarino
Classificação:





Sobre o Autor:

Kendall Ryan é autora best-seller do The New York Times, Wall Street Journal e USA Today com mais de doze livros publicados, tendo vendido mais de um milhão de e-books e seus livros sido traduzidos em diversos idiomas e países pelo globo. Ela é publicada tradicionalmente por Simon e Schuster e Harper Collins do Reino Unido, mas também possui publicações independentes. Desde que se autopublicou, em 2012, aparece constantemente como número 1 na lista de ibooks da Barnes e Nobles pelo mundo. Seus livros também apareceram na lista do NYT e USA Today diversas vezes. Atualmente, vive em Minnesota com o marido e dois filhos.


Comentários

  1. Ei Mariana,sou super suspeita a elogiar livros hots, pois sou fã mesmo de livros calientes,o Colton me parece ser um homem com traumas rs, mas eu gosto de homens problemáticos.
    Beijos, super me interessei pelo livro.
    Reino Literário Br

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

:: Resenha 181 :: "After 5 - Depois da Promessa", Anna Todd

Sinopse: Bem quando Hardin acreditava já ter enfrentado todos os fantasmas de seu passado, um terrível segredo sobre seus pais é revelado, despertando os seus piores demônios internos. Tessa sabe que só ela tem o poder de aliviar todos os sentimentos de raiva, traição e confusão que afligem seu amado badboy. Só ela sabe como salvá-lo de seu ciclo autodestrutivo. Mas dessa vez ela não pode. Porque, quando menos espera, sua vida é para sempre alterada por uma tragédia. Hardin e Tessa prometem lutar com todas as suas forças para que o destino não os separe para sempre. Mas o que acontecerá quando suas forças chegarem ao fim? Depois da promessa... qual será o desfecho dessa história? G ente... *pausa dramática*... Eu sobrevivi à série After ... "É isso aí, garota!!!" (Crika e Mari, do Grupo de Apoio After, representadas pelas lindas Meryl Streep e J.Lo)

:: Resenha 153 :: “After 3 – Depois do Desencontro”, Anna Todd

O k, vai ter spoiler sim e se reclamar vai ter mais! Brincadeeeeeeiraa!!! =P É que assim, vamos combinar? Resenha do terceiro livro onde acontece coisa pra diabo, não tem como, vai rolar uns spoilerszinhos de leve, então fique avisado, certo? Se quiser seguir, siga, se não quiser, comenta assim mesmo hahahaha. Bom, parece que todo livro dessa mulher termina com uma bomba. O segundo terminou com a Tessa guardando um segredinho básico do Hardin, lembra que eu até comentei na resenha ? Então, além disso, terminou com ela dando de cara com o pai e é assim que este terceiro livro começa. Confesso que antes de começar, ao ler a contracapa que diz... Sinopse: Tessa passa pelo momento mais difícil de sua vida. Enquanto luta para crescer na carreira com a qual sempre sonhou, seu mundo é virado de ponta-cabeça: a inesperada aparição de seu pai e uma traição imperdoável a deixam mais fragilizada do que nunca. Hardin — com seus beijos viciantes, seu toque incendiário e seu ch

:: Resenha 168 :: “After 4 – Depois da esperança”, Anna Todd

Sinopse: Depois de tantos obstáculos, Tessa e Hardin estão, enfim, mais maduros como casal. As dificuldades causadas pelo gênio forte dele e pela impulsividade dela ainda existem, mas eles já não conseguem negar o amor que sentem um pelo outro. Mesmo morando em cidades diferentes, estão mais apaixonados do que nunca. Se a química entre os dois já era explosiva antes, agora que eles se entregaram de vez a essa paixão, cada encontro será mais ardente do que o anterior. Mas uma cruel reviravolta do destino trará à tona todos os fantasmas do passado de Hardin. Depois da esperança, haverá forças para enfrentar mais dificuldades? Q uem acompanha as minhas resenhas de After, sabe que eu sofro lendo esses livros, sabe que surto querendo jogar ele na parede ou que eu morro de vontade de entrar no livro pra socar o Hardin. Nesse quarto livro, por incrível que pareça isso foi bem sutil, não que eu não tenha sentido vontade, mas foi bem mais tranquilo e eu confesso, no final eu cheguei