Pular para o conteúdo principal

Impressões :: "A Torre", Daniel O'Malley


Sinopse: Misterioso e hilariante, “A Torre” é uma fantasia que promete fisgar os fãs de fantasia do princípio ao fim Muito suspense Certa dose de humor Uma heroína capaz de deixar Katniss Everdeen, de Jogos Vorazes, no mínimo intimidada E uma carta encontrada no bolso que começa assim: Querida Você, O corpo que está usando costumava ser meu. Encharcada pela tempestade que cai sobre o parque, ela ainda não sabe por que está cercada de cadáveres. Muito menos por que todos usam luvas de látex. Sem escolha, ela decide seguir as orientações deixadas nessa carta e encontra outras duas. Uma carta leva a outra e mais outra, e assim ela descobre seu nome: Myfanwy omas. E ainda que é uma Torre - uma agente secreta de alto escalão que trabalha para uma organização do Império Britânico responsável por combater eventos sobrenaturais. Mas há um traidor nessa organização. Um traidor que a quer ver morta. E que logo perceberá que Myfanwy ainda está viva. E sem memória. Enquanto luta para salvar sua vida, Myfanwy conhece pessoas misteriosas: um homem com quatro corpos, uma aristocrata que pode entrar em seus sonhos, crianças que se transformam em guerreiros mortais e uma conspiração que vai muito além do que poderia imaginar. Com uma protagonista feminina forte e apaixonante, A Torre é um livro que vai envolver os leitores de fantasia em uma narrativa cativante e, ao mesmo tempo, diferente de tudo o que já foi publicado no gênero.



Olá, coleguinhas. Hoje titia Grá vem para trazer as minhas impressões do livro A Torre do autor Daniel O’ Malley , da editora LeYa, que recebi  do 1º Evento da Aliança de Blogueiros do RJ.


É uma história fantástica onde vamos conhecer uma agência que é completamente escondida do resto do mundo e uma protagonista chamada Myfanwy Thomas, que está em um estado amnésico, tentando ao mesmo tempo descobrir quem está tentando matá-la, e detalhe, ela precisa continuar fazendo um dos trabalhos mais importantes do país, sem saber como fazer.

E isso tudo em um mundo fascinante e ao mesmo tempo horripilante. Uma vez que aqui vamos encontrar bastante seres sobrenaturais. E o legal é que aqui não há estereótipos, apenas um monte de personagens criativos e muito bem construídos.  

É uma narrativa divertida e cheia de ação e logo estarei postando a resenha para vocês saberem mais sobre esse livro de leitura incrível.

“Querida Você,
O corpo que está usando costumava ser meu.”


Título: A Torre
Titulo Original: The Rook
Autores: Daniel O’ Malley
ISBN-13: 9788544102541
ISBN-10: 8544102549
Ano: 2016
Páginas: 432
Editora: Leya
Compre aqui: Saraiva


Sobre o autor:  

Daniel O’ Malley é australiano, formado pela Michigan State University e mestre em história medieval em Ohio State University. Atualmente mora em seu país de origem e trabalha na área de assessoria de imprensa do Departamento de Segurança de Transporte australiano, que investiga acidentes com transportes terrestres e aéreos.
Saiba mais sobre ele e seu livro em  www.rookfiles.com.

Comentários

  1. Olá Grá!!!
    Gostaria de saber, de onde esse autor tirou o nome dessa coitada?? Kkkkkkk .... Pode ser por isso, q tá nesse sufoco todo, sem memória, perseguida e ainda tendo q trabalhar kkkkkkkkk
    Louca pela resenha... ;-)
    Bjs :-*

    ResponderExcluir
  2. Olá Grá!!!
    Gostaria de saber, de onde esse autor tirou o nome dessa coitada?? Kkkkkkk .... Pode ser por isso, q tá nesse sufoco todo, sem memória, perseguida e ainda tendo q trabalhar kkkkkkkkk
    Louca pela resenha... ;-)
    Bjs :-*

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

:: Resenha 181 :: "After 5 - Depois da Promessa", Anna Todd

Sinopse: Bem quando Hardin acreditava já ter enfrentado todos os fantasmas de seu passado, um terrível segredo sobre seus pais é revelado, despertando os seus piores demônios internos. Tessa sabe que só ela tem o poder de aliviar todos os sentimentos de raiva, traição e confusão que afligem seu amado badboy. Só ela sabe como salvá-lo de seu ciclo autodestrutivo. Mas dessa vez ela não pode. Porque, quando menos espera, sua vida é para sempre alterada por uma tragédia. Hardin e Tessa prometem lutar com todas as suas forças para que o destino não os separe para sempre. Mas o que acontecerá quando suas forças chegarem ao fim? Depois da promessa... qual será o desfecho dessa história? G ente... *pausa dramática*... Eu sobrevivi à série After ... "É isso aí, garota!!!" (Crika e Mari, do Grupo de Apoio After, representadas pelas lindas Meryl Streep e J.Lo)

:: Resenha 153 :: “After 3 – Depois do Desencontro”, Anna Todd

O k, vai ter spoiler sim e se reclamar vai ter mais! Brincadeeeeeeiraa!!! =P É que assim, vamos combinar? Resenha do terceiro livro onde acontece coisa pra diabo, não tem como, vai rolar uns spoilerszinhos de leve, então fique avisado, certo? Se quiser seguir, siga, se não quiser, comenta assim mesmo hahahaha. Bom, parece que todo livro dessa mulher termina com uma bomba. O segundo terminou com a Tessa guardando um segredinho básico do Hardin, lembra que eu até comentei na resenha ? Então, além disso, terminou com ela dando de cara com o pai e é assim que este terceiro livro começa. Confesso que antes de começar, ao ler a contracapa que diz... Sinopse: Tessa passa pelo momento mais difícil de sua vida. Enquanto luta para crescer na carreira com a qual sempre sonhou, seu mundo é virado de ponta-cabeça: a inesperada aparição de seu pai e uma traição imperdoável a deixam mais fragilizada do que nunca. Hardin — com seus beijos viciantes, seu toque incendiário e seu ch

:: Resenha 168 :: “After 4 – Depois da esperança”, Anna Todd

Sinopse: Depois de tantos obstáculos, Tessa e Hardin estão, enfim, mais maduros como casal. As dificuldades causadas pelo gênio forte dele e pela impulsividade dela ainda existem, mas eles já não conseguem negar o amor que sentem um pelo outro. Mesmo morando em cidades diferentes, estão mais apaixonados do que nunca. Se a química entre os dois já era explosiva antes, agora que eles se entregaram de vez a essa paixão, cada encontro será mais ardente do que o anterior. Mas uma cruel reviravolta do destino trará à tona todos os fantasmas do passado de Hardin. Depois da esperança, haverá forças para enfrentar mais dificuldades? Q uem acompanha as minhas resenhas de After, sabe que eu sofro lendo esses livros, sabe que surto querendo jogar ele na parede ou que eu morro de vontade de entrar no livro pra socar o Hardin. Nesse quarto livro, por incrível que pareça isso foi bem sutil, não que eu não tenha sentido vontade, mas foi bem mais tranquilo e eu confesso, no final eu cheguei